Mulher é atingida por estilhaços dentro de BRT durante tiroteio no Morro do Juramento

Lorena Lima, de 29 anos, estava dentro do veículo articulado chegando a estação de Vicente de Carvalho quando foi ferida por um suposto disparo de arma de fogo. A PM realiza operação na comunidade e há intenso tiroteio na região

Por O Dia

Registros de tiroteios cresceram 56% e o número de pessoas mortas pela polícia aumentou nada menos que 40% em relação ao mesmo período do ano anterior.
Registros de tiroteios cresceram 56% e o número de pessoas mortas pela polícia aumentou nada menos que 40% em relação ao mesmo período do ano anterior. -

Rio - Uma passageira foi atingida na cabeça por estilhaços enquanto estava dentro de ônibus do BRT Transcarioca que chegava na estação Vicente de Carvalho, na Zona Norte do Rio, na manhã desta quarta-feira. No mesmo momento, um intenso tiroteio ocorria no Morro do Juramento, próximo ao local. Imagens mostram o buraco no vidro estilhaçado do veículo, que teria sido provocado por um tiro.

Lorena Lima, de 29 anos, foi socorrida pelos bombeiros e passa por atendimento médico no Hospital Estadual Getúlio Vargas e seu estado de saúde ainda é desconhecido. Entretanto, informações da PM, que enviou policiais do 41º BPM (Irajá) à unidade hospitalar, apontam que ela sofreu apenas ferimentos leves causados pelos estilhaços.

De acordo com o consórcio que administra o BRT, o veículo articulado está parado esperando a chegada da polícia. A operação no corredor Transcarioca não foi afetada, informou a concessionária.

Intenso tiroteio no Juramento

No Morro do Juramento, que fica em frente à estação do BRT Vicente de Carvalho, policiais do Grupamento de Ações Táticas do 41º BPM realizam uma operação. Desde o início da manhã, moradores da comunidade e redondezas relatam um forte tiroteio no local.

"Meu marido estava no BRT que levou o tiro na janela, atingindo uma moça dentro do veículo. Não podemos nem ir trabalhar. Está difícil", disse uma moradora. Não há informações de presos ou apreensões na ação no Juramento.

Últimas de Rio de Janeiro