Ministério Público avalia interdição do Ninho do Urubu

Após reunião com Flamengo, vistoria conjunta na manhã desta terça-feira pode decidir futuro do CT

Por O Dia

 O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim (em primeiro pano), acompanhado de Rodrigo Dunshee (de gravata vermelha), vice-presidente geral e também jurídico, e Reinaldo Belotti, CEO do Flamengo (de grava azul), em dia de reunião do Ministério Público Estadual (MP-RJ) com dirigentes do Flamengo, representantes do Ministério Público do Trabalho, da Defensoria Pública do Estado, da Secretaria de Polícia Civil, do Corpo de Bombeiros, da Defesa Civil e da Prefeitura do Rio, na sede do MP-RJ, no centro da cidade, nesta segunda-feira, 11. O encontro pretende encontrar soluções imediatas para auxílio a familiares de vítimas de incêndio no centro de treinamento do clube e tratar de instalações irregulares no local. , da Defesa Civil e da Prefeitura do Rio, na sede do MP-RJ, no centro do Rio. O encontro pretende encontrar soluções imediatas para auxílio a familiares de vítimas de incêndio e tratar de instalações irregulares no CT do clube. Na foto, O Presidente do Flamengo, Rodolfo Landim (em primeiro pano), acompanhado de Rodrigo Dunshee (vice geral e jurídico do clube, ao fundo de gravata vermelha), Reinaldo Belotti (CEO, ao fundo de grava azul) e Antônio Alcides (presidente do Conselho, de gravata rosa). Foto: FABIO MOTTA / ESTADÃO
O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim (em primeiro pano), acompanhado de Rodrigo Dunshee (de gravata vermelha), vice-presidente geral e também jurídico, e Reinaldo Belotti, CEO do Flamengo (de grava azul), em dia de reunião do Ministério Público Estadual (MP-RJ) com dirigentes do Flamengo, representantes do Ministério Público do Trabalho, da Defensoria Pública do Estado, da Secretaria de Polícia Civil, do Corpo de Bombeiros, da Defesa Civil e da Prefeitura do Rio, na sede do MP-RJ, no centro da cidade, nesta segunda-feira, 11. O encontro pretende encontrar soluções imediatas para auxílio a familiares de vítimas de incêndio no centro de treinamento do clube e tratar de instalações irregulares no local. , da Defesa Civil e da Prefeitura do Rio, na sede do MP-RJ, no centro do Rio. O encontro pretende encontrar soluções imediatas para auxílio a familiares de vítimas de incêndio e tratar de instalações irregulares no CT do clube. Na foto, O Presidente do Flamengo, Rodolfo Landim (em primeiro pano), acompanhado de Rodrigo Dunshee (vice geral e jurídico do clube, ao fundo de gravata vermelha), Reinaldo Belotti (CEO, ao fundo de grava azul) e Antônio Alcides (presidente do Conselho, de gravata rosa). Foto: FABIO MOTTA / ESTADÃO -

Rio - Dirigentes do Flamengo se reuniram na tarde desta segunda-feira com autoridades estadual e municipal na sede do Ministério Público Estadual (MP), e no encontro ficou acertada uma vistoria de vários órgãos no Ninho do Urubu na manhã desta terça-feira. Somente após essa visita, no mesmo horário do treino dos profissionais, o MPE irá definir se o CT rubro-negro poderá ser parcialmente ou totalmente interditado.

Na reunião, o Flamengo assumiu a responsabilidade e se comprometeu a ajudar totalmente as famílias de todas as vítimas. O clube ainda suspendeu por tempo indeterminado que qualquer pessoa durma no CT. O elenco profissional costuma se concentrar no Ninho e terá de ir para um hotel.

"Faremos perícias amplas no CT do Flamengo, para que possamos analisar em que condições se encontra e se há necessidade de interdição do local de trabalho. É um dano irreparável. Mas há também o aspecto preventivo, para que novas tragédias como essa não ocorram. Vamos verificar a legalidade trabalhista desses atletas, assim como o ambiente de trabalho", explicou o procurado-geral do MP, disse Eduardo Gussem.

Mais uma vez o presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, recusou-se a responder perguntas e somente fez um rápido pronunciamento. Nele, o dirigente se comprometeu a indenizar as famílias das vítimas e também falou da urgência de resolver as pendências do CT.

"Falamos da nossa disposição de resolver qualquer tipo de pendência que ainda haja no CT. A nossa expectativa é que tudo isso seja resolvido (...) Falamos da nossa vontade de indenizar essas famílias o mais rápido o possível. Queremos usar a defensoria pública faça algum tipo de mediação", disse Landim, defendendo a importância do CT para os jovens da base.

"São meninos que vieram de vários locais do país. Eles têm educação, assistência médica, odontológica, e psicológica. É fundamental que demos continuidade ao trabalho que temos lá".

Participaram da reunião, além de representantes do Flamengo e do MP, membros da prefeitura do Rio, Defesa Civil, Corpo de Bombeiros e Ministério do Trabalho. Também ficou definido novo encontro, marcado para sexta-feira.

Galeria de Fotos

Ninho do Urubu pode ser interditado Severino Silva/Agência O Dia
O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim (em primeiro pano), acompanhado de Rodrigo Dunshee (de gravata vermelha), vice-presidente geral e também jurídico, e Reinaldo Belotti, CEO do Flamengo (de grava azul), em dia de reunião do Ministério Público Estadual (MP-RJ) com dirigentes do Flamengo, representantes do Ministério Público do Trabalho, da Defensoria Pública do Estado, da Secretaria de Polícia Civil, do Corpo de Bombeiros, da Defesa Civil e da Prefeitura do Rio, na sede do MP-RJ, no centro da cidade, nesta segunda-feira, 11. O encontro pretende encontrar soluções imediatas para auxílio a familiares de vítimas de incêndio no centro de treinamento do clube e tratar de instalações irregulares no local. , da Defesa Civil e da Prefeitura do Rio, na sede do MP-RJ, no centro do Rio. O encontro pretende encontrar soluções imediatas para auxílio a familiares de vítimas de incêndio e tratar de instalações irregulares no CT do clube. Na foto, O Presidente do Flamengo, Rodolfo Landim (em primeiro pano), acompanhado de Rodrigo Dunshee (vice geral e jurídico do clube, ao fundo de gravata vermelha), Reinaldo Belotti (CEO, ao fundo de grava azul) e Antônio Alcides (presidente do Conselho, de gravata rosa). Foto: FABIO MOTTA / ESTADÃO FÁBIO MOTTA/ESTADÃO CONTEÚDO

Comentários