Polícia investiga se mulheres mortas em Caxias foram vítimas de feminicídio

Josy e Mayara estavam em salão de beleza quando acabaram mortos

Por MARIA INEZ MAGALHÃES

Crime aconteceu na tarde da última terça-feira no bairro Pilar
Crime aconteceu na tarde da última terça-feira no bairro Pilar -

Rio - A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF), que apura as mortes de Jose Luisa Bressan e Mayara Cristhie Silva Palma, investiga se as duas foram vítimas de feminicídio, já que a principal linha de investigação é execução. Elas foram assassinadas a tiros na tarde de terça-feira, em um salão de beleza, no bairro Pilar, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. De acordo com informações, Jose Luisa, mais conhecida como Josy, seria a dona do salão, e Mayara cliente do espaço. 

Nas redes sociais, amigos lamentaram a morte das mulheres e cobraram justiça. "Minha amiga amada , quantos anos nos conhecemos. Você cuidava dos meus cabelos com tanto carinho, como eram boa nossas conversas", escreveu uma amiga de Josy.

"Descanse em paz! Que Deus possa te receber da melhor forma possível. Não estou acreditando! Sentirei saudades...", disse um amigo de Mayara ao compartilhar uma foto sua. "Inacreditável. Tão jovem, cheia de vida, tão bonita, me lembro de quando a conheci, sempre desejei o melhor pra ela, descanse em paz, que Deus te de ilumine", postou outra conhecida.

Comentários