Filho de empresária agredida na Barra publica foto com mãe

Lutador Rayron Gracie aparece abraçado com Elaine Caparroz. O agressor, identificado como Vinicius Batista Serra, de 27 anos, está preso por tentativa de feminicídio

Por O Dia

Rayron Gracie publicou foto abraçado a mãe
Rayron Gracie publicou foto abraçado a mãe -

Rio - O lutador de jiu-jitsu Rayron Gracie compartilhou uma foto em seu Instagram, na tarde desta terça-feira, em que aparece abraçando sua mãe Elaine Caparroz, que foi espancada por quase quatro horas dentro de seu apartamento na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio. Ela está internada com várias fraturas e hematomas no hospital Casa de Portugal, no Rio Comprido, mas já trocou a UTI por um quarto, apresentando melhora do quadro. O agressor, identificado como o estudante de Direito Vinicius Batista Serra, de 27 anos, está preso por tentativa de feminicídio.

Em um vídeo publicado no Twitter, também nesta terça-feira, Elaine mostra que está confiante quanto à sua recuperação. "Está tudo bem, logo logo estou numa boa. Amo vocês, fiquem com Deus", disse Elaine. "Deus é bom! Com as orações de todos está dando uma boa recuperação física para a Elaine! Resta o psicológico, mas ela nasceu de novo! Obrigado pelo apoio e continuem orando e não vamos perder de vista o covarde que bateu no irmão deficiente também", compartilhou um parente da vítima.

Em novo boletim divulgado hoje, o Hospital Casa de Portugal informou que ela trocou a UTI por um quarto da unidade e apresenta estado de saúde estável, com 'boa evolução clínica e laboratorial'. Após novas avaliações, a equipe médica concluiu que Elaine não precisa de intervenções cirúrgicas no momento.

O crime

Elaine Caparroz foi agredida pelo então companheiro, na madrugada deste sábado, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio. A empresária foi encontrada desacordada em seu apartamento e foi levada, num primeiro momento, para Hospital Lourenço Jorge, mas foi transferida para o hospital no Rio Comprido. O agressor, identificado como Vinícius Batista Serra, de 27 anos, foi preso em flagrante pelo crime de feminicídio tentado, punido com pena privativa de liberdade máxima superior a quatro anos.

Comentários