Polícia prende cinco suspeitos em operação em Belford Roxo

Ação tinha como alvo encontrar assassinos de PM. Porém, nenhum procurado foi encontrado

Por RAFAEL NASCIMENTO

Operação prendeu cinco suspeitos em Belford Roxo
Operação prendeu cinco suspeitos em Belford Roxo -

Rio - Cinco pessoas foram presas, na manhã desta sexta-feira, durante uma operação da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) em Belford Roxo, para prender os assassinos do policial militar Francisco Fernandes Souza, 38 anos, morto no dia 23 de janeiro deste ano naquele município. 

De acordo com a especializada, dos cinco alvos da operação, investigados pela morte do PM, quatro não foram encontrados e estão foragidos da Justiça. Um criminoso que já estava preso teve o mandado cumprido no presídio.

No entanto, cinco suspeitos foram presos em flagrante na comunidade Roseiral por tráfico e associação ao tráfico de drogas. São eles: Jackson Figueira de Oliveira, 20 anos; Willian da Hora Suzart Júnior, 22 anos; Iuri Amâncio Soares, 21 anos; Douglas Santos de Moura, 26 anos; Renan Ferreira Ramos, 22 anos (contra o homem também havia mandado de prisão pendente pelo crime de roubo). 

A ação ocorreu nas comunidades Roseiral e Vale do Ipê, em Belford Roxo, Baixada Fluminense, e contou com apoio da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core), Delegacia de Homicídios (DH) da Capital, Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo (DHNSG) e policiais da Companhia de Inteligência da Coordenadoria de Inteligência da Polícia Militar.

Segundo a especializada, estão foragidos da Justiça: Cremilson Almeida de Souza, 43 anos, conhecido como Coroa; Leonardo da Silva Oliveira, 26 anos, conhecido como Monstrão ou Palhacinho; Itallo Peixoto Queiroz, 20 anos; Tauan Barcellos Barros, 18 anos. Informações sobre o paradeiro dos homens podem ser repassadas para a especializada e para o Disque Denúncia (2253-1177). 

 

 

Comentários