Livia Alves de Morais cursa o nono período de paisagismo da UFRJ e estava desaparecida há uma semana - Arquivo Pessoal
Livia Alves de Morais cursa o nono período de paisagismo da UFRJ e estava desaparecida há uma semanaArquivo Pessoal
Por RAI AQUINO

Rio - Familiares da universitária Livia Alves de Morais, de 28 anos, procuram pela estudante do nono período de paisagismo da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) desde o último fim de semana. No domingo de manhã, Livia saiu de casa, em Quintino, na Zona Norte do Rio, para comprar cigarro e desde então não foi mais vista. A única pista sobre o seu paradeiro é que ela teria estado em Laranjeiras, na Zona Sul.

"Só hoje conseguimos contato com um taxista que achou o celular dela no carro. Ele disse que a levou no domingo para a esquina da Rua das Laranjeiras com a Rua Alice", conta a irmã da estudante, Vanessa Morais, 32.

A ausência de Livia foi percebida pela família na tarde domingo. Até então, eles achavam que ela estaria em seu quarto, depois de ter ido na rua. Eles tentaram ligar para seu telefone, mas estava descarregado.

Livia teria ido de táxi a Laranjeiras - Arquivo Pessoal

O taxista que falou com os familiares nesta sexta disse que achou o aparelho em seu carro no quarta e o colocou para recarregar para que conseguisse falar com o dono.

"A gente chegou a ir a um bar que ela frequenta na Praça Tiradentes, mas ninguém a viu por lá. Hoje, vamos em Laranjeiras para espalhar cartazes e ver se alguém a viu por lá", diz Vanessa.

Livia fez tratamento psiquiátrico e psicológico por sete anos, mas há cinco meses parou de se medicar por conta própria. A família esteve na Delegacia de Descoberta de Paradeiro (DDPA), que ajuda na procura pela universitária.

"A relação dela com a gente é muito boa e não sabíamos de nenhum problema que ela estivesse passando. Sempre que ela saía e ficava fora, avisava", acrescenta Vanessa, dizendo que a irmã mora com ela e a mãe. "A gente não está dormindo direito, não está comendo. Nossa mãe e avó estão muito tristes".

O Disque Denúncia divulgou nesta sexta um cartaz com a foto da estudante para ajudar na sua busca.

Cartaz que do Disque Denúncia divulgou nesta sexta - Divulgação / Disque Denúncia

Você pode gostar
Comentários