Grajaú-Jacarepaguá, Alto e Niemeyer terão cancelas

Vias serão fechadas quando houver risco de deslizamentos

Por *Luana Dandara

Atualmente, equipes precisam ser deslocadas para fechar vias
Atualmente, equipes precisam ser deslocadas para fechar vias -

Rio - A prefeitura, por meio da CET-Rio, pretende instalar, até o fim do verão, cancelas manuais em 19 vias da cidade, para fechamento em dias de temporal. A medida inclui a Autoestrada Grajaú-Jacarepaguá, o Alto da Boa Vista, a Avenida Niemeyer (interditada desde maio, por decisão judicial), e os mergulhões da Barra da Tijuca.

De acordo com o presidente da CET-Rio, Airton Aguiar, as cancelas serão fechadas quando houver volume de 35mm de chuva no período de uma hora. "Isso será informado pelo Centro de Operações e pela Geo-Rio, responsável pelo monitoramento de encostas. Se houver qualquer risco de deslizamento na via, um motoqueiro irá até o local para fechar a cancela e também prevenir a passagem de veículos", explicou.

Ainda não há data certa para começar a instalação das cancelas e para divulgação da lista de pontos de interdição. "Estamos viabilizando o projeto. Foi um pedido do prefeito Marcelo Crivella e ele já autorizou. Queremos evitar qualquer acidente, essas vias ficam bem perigosas com chuva forte, então não podemos deixar que as pessoas passem", acrescentou Airton.

Medida precisa de divulgação

Para o especialista em gerenciamento de risco Gustavo Cunha Mello, a medida é boa, mas precisa de ampla divulgação. "É uma solução. Não é definitiva nem ampla, mas ajuda bastante. É preciso uma boa sinalização, acompanhada de sinais luminosos ou sonoros. A população precisa entender o porquê daquela cancela", ponderou. O presidente da CET-Rio prometeu a colocação de placas de sinalização junto às cancelas.
 
Outra questão é a manutenção do equipamento: "Não percebemos nos equipamentos públicos manutenção constante. Se for para colocar uma cancela, que daqui a três meses estará quebrada, ela vai deixar de contribuir com a prevenção de acidentes e vai ser apenas um gasto público", alertou Gustavo Cunha Mello.

*Estagiária sob supervisão de Alexandre Machado
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

PMs patrulham a Praia do Arpoador: ação vai do Flamengo ao Recreio Cléber Mendes
Atualmente, equipes precisam ser deslocadas para fechar vias Divulgação / COR

Comentários

Últimas de Rio de Janeiro