Caso Julia: sumiço completa 10 dias

Criança foi sequestrada pelos pais em Campo Grande

Por O Dia

Suspeita de sequestro pela mãe
Suspeita de sequestro pela mãe -

Dez dias depois do desaparecimento de Julia Soares de Moura, de 5 anos, a tia da menina, Mariana de Moura Santana, 44, segue com a angústia de não saber seu paradeiro. Segundo Mariana, que é a responsável legal por Júlia, a criança foi sequestrada pelos pais no último dia 30, durante uma das visitas autorizadas pela Justiça, num shopping em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio. O caso está sendo investigado pela 43ª DP (Guaratiba).

Desde dezembro do ano passado, os pais da menina perderam a guarda dela acusados de cometeram maus-tratos a vulnerável.

"A mãe dela sabia o que meu irmão, que é o pai da Julia, fazia e nunca a apoiou, dizia que ela estava inventando. Eu denunciei à polícia e os exames periciais constataram os maus-tratos. O objetivo deles é se livrar do crime de que são investigados", contou.

Mariana teme que as pessoas deixem de denunciar o paradeiro da sobrinha, caso a tenham visto, porque ela foi levada pela própria mãe.

A delegada responsável pelo caso, Gisele Espírito Santo, informou que a investigação está bem adiantada, mas que irá manter os próximos passos em sigilo para não prejudicar o trabalho da polícia.

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários