Diego Ribeiro Ferreira Gonçalves foi preso nesta quinta - Divulgação / Disque Denúncia
Diego Ribeiro Ferreira Gonçalves foi preso nesta quintaDivulgação / Disque Denúncia
Por O Dia
Publicado 27/12/2019 15:24 | Atualizado 27/12/2019 15:31
Rio - Agentes da 41ª DP (Tanque) prenderam, no fim da tarde desta quinta-feira, o traficante Diego Ribeiro Ferreira Gonçalves, de 28 anos. Integrante do tráfico de drogas do Morro Faz Quem Quer, em Rocha Miranda, na Zona Norte do Rio, ele é apontado como um dos participantes do assalto no Ceasa que terminou com a morte de um segurança e de uma funcionária, em agosto de 2015.
De acordo com a Polícia Civil, Diego foi encontrado em Sepetiba, na Zona Oeste, após ser monitorado pelo setor de inteligência da secretaria. Contra ele, havia um mandado de prisão preventiva em aberto por latrocínio (roubo seguido de morte), no caso do Ceasa.
Publicidade
O Disque Denúncia oferecia uma recompensa de R$ 1 mil para quem desse informações que levassem à prisão de Diego.
Recompensa era de R$ 1 mil - Divulgação / Disque Denúncia

O CASO
Publicidade
O assalto ao Ceasa aconteceu no dia 18 de agosto de 2015. Além de Diego, Douglas Donato Pereira, o Diná Terror, e Leonardo Dias Guimarães, o Léo Mingau, também participaram do crime. Na ocasião, a funcionária Mariane dos Santos Silva e o segurança Antenor Silva Rios Neto foram baleados e morreram durante um tiroteio entre os criminosos e seguranças do local.
De acordo com as investigações, os assaltantes chegaram no Ceasa em dois carros e renderam a funcionária na frente de uma agência bancária que fica dentro do centro de abastecimento. Mariane costumava depositar o dinheiro do mercado e chegou ao banco no automóvel da empresa.