Coronavírus: bebê tem alta após 29 dias internada em São Gonçalo

Pequena Heloísa, de apenas três meses, deixou hospital sob aplausos da equipe de saúde

Por O Dia

Heloísa tem alta após 29 dias de internação
Heloísa tem alta após 29 dias de internação -
Rio - Depois de 29 dias internada no Pronto Socorro Infantil de São Gonçalo, na Região Metropolitana, a pequena Heloísa Cristine Nunes dos Santos, de apenas três meses de vida, recebeu alta da equipe médica na manhã desta quinta-feira. Contaminada pelo novo coronavírus, a bebê ficou em estado grave e chegou a ser entubada por duas vezes. Ela deixou a unidade sob aplausos dos médicos, enfermeiros, assistentes sociais, psicólogos, fisioterapeutas e demais profissionais.

Heloísa deu entrada no Pronto Socorro Infantil com febre alta e foi atendida por dois médicos na unidade, que solicitaram de imediato o teste para a covid-19. Com resultado positivo, eles pediram a internação da pequena no Centro de Tratamento Intensivo. Ela chegou a ser entubada duas vezes e fez três transfusões de sangue e plaquetas.

Pesando agora 3,5 quilos, lúcida, com 98% de saturação, a pequena Heloísa teve alta do CTI na última segunda-feira (15). Ficou os últimos dois dias na enfermaria para finalizar medicação e ganhar peso.

Heloísa foi a primeira paciente a ocupar um dos oito leitos abertos há cerca de um mês no Pronto Socorro Infantil pelo prefeito José Luiz Nanci. Segundo a prefeitura, o novo local conta com infraestrutura de ponta, como respiradores, sendo um portátil, monitores, incubadora e um setor de isolamento.

Comentários