Covid-19: UFRJ aprova possibilidade de ensino remoto na graduação

Aulas estão suspensas há três meses

Por O Dia

Centro de Tecnologia da UFRJ
Centro de Tecnologia da UFRJ -
Rio - A Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) aprovou duas resoluções, por meio do seu Conselho de Ensino de Graduação (CEG), nos dias 17/6 e 19/6, respectivamente, que possibilitarão a adoção de ensino remoto em seus cursos de graduação.

Segundo a universidade, as resoluções foram construídas coletivamente com "significativa participação de representantes discentes, técnico-administrativos e docentes de todos os centros, campi e do Colégio de Aplicação (CAp-UFRJ), demandaram diversas horas de intenso e vigoroso trabalho com pesquisas internas e externas, balizadas sempre pela primazia".

"Ressaltamos que essas resoluções vão ao encontro dos anseios de importante e expressiva parcela de seus corpos discente e docente e da sociedade brasileira, possibilitando que centenas de estudantes concluam a sua graduação e outras centenas retomem suas atividades acadêmicas, suspensas há mais de três meses", disse a instituição em nota.

"No ano de seu centenário, mesmo diante das dificuldades e limitações jamais vistas, impostas pela pandemia de covid-19, a Universidade Federal do Rio de Janeiro, imbuída de seu espírito inovador e transformador, segue firme, honrando, acima de tudo, seu compromisso social em oferecer ensino público, gratuito, de qualidade e excelência", finaliza o documento.

Comentários