Eletricista foi atropelado quando saía de um pagode na Barra - Reprodução
Eletricista foi atropelado quando saía de um pagode na BarraReprodução
Por O Dia
Rio - Policiais da 39ª DP (Pavuna) investigam a morte do eletricista Almir de Carvalho Junior, de 37 anos, após sair de um pagode na orla da Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio, no último sábado (7). Segundo informações, um motorista conduzia um carro em alta velocidade e teria atropelado a vítima após ela se desequilibrar para atravessar a rua. O condutor não parou para prestar socorro. Almir Junior, como era conhecido por familiares e amigos, chegou a ser socorrido para o Hospital Lourenço Jorge, também na Barra da Tijuca, mas não resistiu.
Segundo a Polícia Civil, imagens de câmeras de seguranças da CET-Rio e dos quiosques da região foram solicitadas. Elas podem ter registrado a passagem do veículo e ajudar na identificação do motorista.
Publicidade
Almir Junior foi sepultado no Cemitério de Ricardo de Albuquerque, nesta quarta-feita. Ele deixa a esposa e um filho de 17 anos.