Formação Livre em Cinema e Educação - Divulgação
Formação Livre em Cinema e EducaçãoDivulgação
Por O Dia

Criada pelo Movimento Cultural Zona de Cinema, será realizada, até o próximo sábado, a "Formação Livre em Cinema e Educação". A iniciativa foi contemplada pela Lei Aldir Blanc, da Prefeitura do Rio, através da Secretaria Municipal de Cultura. A formação é mediada pelas jovens cineastas Gisele Motta, moradora de Santíssimo, na Zona Oeste, e Catu Rizo, de Nilópolis, Baixada Fluminense.

O público-alvo do curso são professores do ensino básico de escolas públicas, arte-educadores, educadores populares, pais, mães e responsáveis de crianças e jovens que se articulam comunitariamente, assim como demais interessados na interface entre cinema e educação.

Catu e Gisele têm em comum a passagem pelo Projeto Imagens em Movimento, referência no Brasil em Pedagogia do Cinema, uma metodologia e conceito desenvolvido pelo cineasta francês Alain Bergala que hoje se propaga em rede por vários países. O longa-metragem de Catu, 'Com o terceiro olho na terra da profanação' foi exibido no I Festival Zona de Cinema, em 2017, e produzido por Gisele.

Buscando elaborar uma proposta educativa aberta, Catu e Gisele construíram uma formação livre, tecida através de relatos de experiências e narrativas de processos educativos nas quais foram mediadoras. Trazem suas trajetórias pelo cinema e pela educação como norte para apontar aos interessados pontos importantes da prática do fazer-cinema enquanto processo colaborativo, artístico e educativo. Assim, mostram alguns caminhos pelos quais os participantes podem trilhar suas próprias investigações sobre o tema.

 

Você pode gostar
Comentários