Baixada Fluminense no estilo grafite

Oitava edição do evento Baixada Style acontecerá dia 27 em Mesquita e vai colorir os muros da região

Por O Dia

Grafiteiros do Revitalizart prometem colorir Mesquita
Grafiteiros do Revitalizart prometem colorir Mesquita -

As ruas da Chatuba vão ficar cercadas de paredes e muros cobertos de arte. No dia 27, Mesquita vai receber a 8ª edição do Baixada Style, uma parceria com o projeto Revitalizart, criado há quase dois anos na cidade. Cerca de 100 grafiteiros de todo o Rio prometem transformar a paisagem de uma área bastante conhecida pela violência, fazer da localidade uma referência cultural.

Previsto para começar às 8h, na Rua Coronel Azevedo Júnior, na Chatuba, os grafiteiros vão colorir um quilômetro de muros da região. Cada um dos artistas receberá um kit com os itens que serão utilizados no movimento artístico e terá a liberdade para criar desenhos ligados à valorização da Baixada e que reforcem a identidade cultural da região. "A proposta é fazer um caminho da cultura, é transformar um local que já foi conhecido como muro da vergonha, porque era local de descarte de lixo, em um lugar onde as pessoas queiram passar, se orgulhem", diz o grafiteiro David Nogueira, o Dante Urban, 39, responsável pela ação.

Para Marcos Aurélio, conhecido como Budog, 34, a satisfação é ver que os moradores se envolvem com a iniciativa. "Quando a gente conversa com eles para explicar o que vamos fazer, acabam abraçando a causa, porque se sentem valorizados com a beleza da nossa arte. Deixamos nossa marca em cada lugar que passamos".

O Baixada Style faz sua primeira parada em Mesquita, mas a cidade já tem um projeto semelhante, o Revitalizart, que já transformou paisagens em Edson Passos e Juscelino. Marcas que deixam os criadores orgulhosos. "O primeiro painel que pintei me deixou muito feliz. As pessoas comentavam e elogiavam. Tem quase dois anos e sempre que passo pelo local sinto orgulho", conta Ruan de Freitas, o Sangue, 24.

Além do grafite, o evento vai reunir artistas do rap, hip hop e do break, para trazer atrações musicais ao Baixada Style.  

SINÔNIMO DE ARTE

Por muito tempo, os grafiteiros eram confundidos com pichadores. A arte, com vandalismo. Mas a percepção veio mudando ao longo dos anos. "Hoje, as pessoas olham e entendem que o que fazemos é arte. E essa cultura está cada vez mais forte na Baixada, já somos referência. Entramos em qualquer lugar e somos bem recebidos, porque a arte rompe barreiras", afirma Dante. 

Até o fim do ano, os muros da Avenida Getúlio de Moura, em Juscelino também vão ganhar mais cor. Cerca de 40 telas de temas variados estão sendo produzidas e devem ser instaladas em breve. Artistas conhecido como Acme, Airá - o Creso, Marcelo Mente, Binho Ribeiro (de São Paulo) e Nilo Zack (de Minas Gerais), além de grafiteiros da região, serão os responsáveis pelas criações. "A arte inspira as pessoas e ajuda a formar cidadãos mais conscientes, empenhados não apenas com a conservação dos patrimônios públicos e privados, mas também em melhorar suas próprias vidas. Essa é uma forma de incentivar movimentos artísticos e, consequentemente, criar uma sensação de pertencimento à população", avalia Kleber Rodrigues, subsecretário de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo de Mesquita.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Grafiteiros do Revitalizart prometem colorir Mesquita Cléber Mendes
Rio,10/10/2019 - MESQUITA- Caderno da Baixada, Grafiteiros que querem mudar a cara da Chatuba pelo projeto Baixada Style. Na foto,David Nogueira(Dante ,bone), Marcos Oliveira(Budog, de cinza), Gean de Freitas(camisa Japao) e Ruan de Freitas .Foto: Cléber Mendes/Agência O Dia Cléber Mendes
Rio,10/10/2019 - MESQUITA- Caderno da Baixada, Grafiteiros que querem mudar a cara da Chatuba pelo projeto Baixada Style. Na foto,David Nogueira(Dante ,bone), Marcos Oliveira(Budog, de cinza), Gean de Freitas(camisa Japao) e Ruan de Freitas .Foto: Cléber Mendes/Agência O Dia Cléber Mendes
Rio,10/10/2019 - MESQUITA- Caderno da Baixada, Grafiteiros que querem mudar a cara da Chatuba pelo projeto Baixada Style. Na foto,David Nogueira(Dante ,bone), Marcos Oliveira(Budog, de cinza), Gean de Freitas(camisa Japao) e Ruan de Freitas .Foto: Cléber Mendes/Agência O Dia Cléber Mendes
Rio,10/10/2019 - MESQUITA- Caderno da Baixada, Grafiteiros que querem mudar a cara da Chatuba pelo projeto Baixada Style. Na foto,David Nogueira(Dante ,bone), Marcos Oliveira(Budog, de cinza), Gean de Freitas(camisa Japao) e Ruan de Freitas .Foto: Cléber Mendes/Agência O Dia Cléber Mendes
Rio,10/10/2019 - MESQUITA- Caderno da Baixada, Grafiteiros que querem mudar a cara da Chatuba pelo projeto Baixada Style. Na foto,David Nogueira(Dante ,bone), Marcos Oliveira(Budog, de cinza), Gean de Freitas(camisa Japao) e Ruan de Freitas .Foto: Cléber Mendes/Agência O Dia Cléber Mendes
Rio,10/10/2019 - MESQUITA- Caderno da Baixada, Grafiteiros que querem mudar a cara da Chatuba pelo projeto Baixada Style. Na foto,David Nogueira(Dante ,bone), Marcos Oliveira(Budog, de cinza), Gean de Freitas(camisa Japao) e Ruan de Freitas .Foto: Cléber Mendes/Agência O Dia Cléber Mendes
Revitalizart Mesquita foi criado há quase dois anos Divulgação

Comentários

Últimas de O Dia na Baixada