Nova Iguaçu vai distribuir recursos para profissionais da cultura

São quase R$ 5 milhões liberados por meio da Lei Aldir Blanc, que devem ajudar três mil pessoas no município

Por O Dia

Referência na Baixada Fluminense, Casa de Cultura de Nova Iguaçu realiza atividades culturais, exposições de arte, shows e peças teatrais
Referência na Baixada Fluminense, Casa de Cultura de Nova Iguaçu realiza atividades culturais, exposições de arte, shows e peças teatrais -

O Governo Federal, disponibilizou ontem, R$ 4.876.740, 28 para a cidade de Nova Iguaçu, por meio da Lei Aldir Blanc. O recurso é destinado aos trabalhadores e trabalhadoras da cultura que foram prejudicados com a pandemia de covid-19. A cidade foi a primeira da Baixada Fluminense, e uma das primeiras do país, a ter o seu Plano de Ação aprovado para aplicação dos recursos da lei de auxílio aos profissionais. A previsão inicial da prefeitura, que executa o plano junto à secretaria de Cultura do município, é que mais de três mil pessoas de forma direta e indireta sejam beneficiadas em Nova Iguaçu.

Além da ajuda para quem vive da cultura, com a verba será possível desenvolver diversas ações voltadas ao setor, permitindo o fomento de atividades artísticas como a promoção de editais e chamadas públicas. O cadastro de acesso destas categorias já está disponível no endereço eletrônico, basta acessar o link e preencher o formulário do google:https://bit.ly/2BoNuqt

Outras cidades

A Secretaria Municipal de Cultura de Nilópolis ressaltou que todos os artistas locais de cultura, como produtores, técnicos e demais participantes da rede produtiva tem até este sábado, dia 19, para se cadastrarem e garantirem acesso à Lei Aldir Blanc. O benefício para pessoas físicas é de três parcelas mensais de R$ 600. Já os espaços artísticos e culturais regulamentados recebem de R$ 3 mil e R$ 10 mil.

Os critérios de divisão dos valores são similares aos utilizados no Fundo de Participação dos Municípios (FPM), isto é: 80% proporcional à população municipal e os demais 20% serão destinados a editais e prêmios para o setor cultural. O cadastro dos artistas locais é realizado por meio do link https://docs.google.com/forms/d/1hVcEebAUTjbpY325GsgsrBnT5chO6YwrqDYiTMV3pu4/viewform?edit_requested=true&pli=1 ou na sede da Prefeitura de Nilópolis, na rua Pedro Álvares Cabral, 305 - Centro.

Comentários