Programa Cidade Solidária reabre Restaurante Popular de Volta Redonda

A partir desta quarta-feira, dia 08, local vai fornecer marmitex em dois horários

Por O Dia

A partir desta quarta-feira, dia 08, Restaurante Popular vai fornecer refeições em marmitas nos horários do almoço e jantar
A partir desta quarta-feira, dia 08, Restaurante Popular vai fornecer refeições em marmitas nos horários do almoço e jantar -
Volta Redonda - O Novo Restaurante Popular de Volta Redonda, que funciona na Avenida Integração, no bairro Aterrado, reabre nesta quarta-feira, dia 08. A reabertura acontece através do programa Cidade Solidária, lançado no último domingo, dia 05, pelo prefeito Samuca Silva.
Após ser fechado por conta do Plano Municipal de Contingência contra o Novo Coronavírus, o local vai fornecer almoço, das 10h30 até 14h30, e jantar, das 16h30 às 18h30, em marmitex, pelo preço habitual de R$ 3,50. A organização das filas será realizada pelos funcionários do restaurante para evitar aglomerações.
O prefeito Samuca Silva explicou que por conta do prolongamento da pandemia, foi necessário criar o programa Cidade Solidária, que tem o objetivo de colocar comida na casa das pessoas. E reabrir o Restaurante Popular é uma das medidas para alcançar essa finalidade.
“A situação de isolamento social diminuiu a renda familiar de forma geral e a garantia de alimentação saudável à população a custo baixo é um dever do poder público”, afirmou o prefeito Samuca Silva.

Segundo as informações do secretário de Ação Comunitária de Volta Redonda, Ailton Carvalho, o café da manhã não será servido durante este período.
“A princípio serão servidas 500 refeições no almoço e 100 no jantar. Mas estaremos preparados para atender a população, caso a demanda seja maior”, avisou.
O secretário ainda informou que o Restaurante Popular também vai fornecer, a partir desta semana, o jantar, de graça, para os abrigados do Seu Nadim e também no abrigo provisório instalado na Arena Esportiva.

Comentários