Voltaço seguirá protocolo de segurança no retorno dos treinos - Divulgação
Voltaço seguirá protocolo de segurança no retorno dos treinosDivulgação
Por O Dia
Volta Redonda - Aguardando a autorização das autoridades para retornar as atividades, o Voltaço montou um protocolo de segurança que deverá ser seguido por todos do clube, no retorno aos treinamentos. O documento é baseado no protocolo Jogo Seguro, desenvolvido pela Ferj (Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro) em parceria com os médicos dos clubes que disputam a Série A do Campeonato Carioca.

O protocolo prevê como serão realizadas as etapas desde o acolhimento até a rotina de trabalho. Entre as ações, existe uma definição de vagas específicas para chegadas dos atletas, respeitando o distanciamento; montagem de um corredor de segurança para a chegada, com aferição de temperatura; higienização e desinfecção de todo o Centro de Treinamento e de todo o material utilizado; treinamentos com grupo de trabalhos reduzidos; afastamento temporário das pessoas do grupo de risco; entre outras ações.
“Antes de qualquer coisa, vale ressaltar que estamos falando de uma metodologia de treinos, onde se consegue respeitar o distanciamento, e não de jogos, dos quais o retorno depende de autorizações de órgãos competentes. O protocolo segue à risca as orientações de segurança, claro, adaptando as possibilidades do clube e considerando as restrições impostas pelo governo municipal. Estamos trabalhando para criar um ambiente seguro para todos os envolvidos, jogadores, comissão técnica e funcionários, isso quando tivermos as autorizações para o retorno”, disse o presidente Flávio Horta.
Publicidade
O protocolo de segurança do Volta Redonda foi criado com a participação dos integrantes dos departamentos médico, técnico e científico do clube.