Volta Redonda registra 29ª morte por covid e tem 835 casos confirmados da doença

Desta vez a vítima foi uma mulher de 33 anos que estava grávida

Por O Dia

Imagem computadorizada do coronavírus
Imagem computadorizada do coronavírus -
Volta Redonda - Neste sábado, dia 23, o prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva, atualizou os dados sobre o novo coronavírus, direto do Hospital do Idoso. Na transmissão ao vivo, o prefeito anunciou que os oito novos leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) já estão prontos, para atender pessoas com suspeita da covid-19.

Samuca Silva também divulgou que mais uma morte foi registrada na cidade, a vítima foi uma mulher de 33 anos que morreu dias depois de ganhar bebê. Segundo as informações, o recém-nascido continua internado, em um hospital da rede pública. Agora, o município tem 29 mortes devido ao novo coronavírus.

Os casos confirmados são 835, os descartados são 593 e ainda os casos notificados como suspeitos estão em 2.152. Há na cidade 640 pessoas curadas da doença.
Samuca Silva faz transmissão ao vivo, direto do Hospital do Idoso e anuncia os novos leitos para tratamento da covid-19 - Reprodução/ Internet
Os eixos de monitoramento condicionantes para a reabertura das atividades econômicas seguem dentro dos limites, com isso, flexibilização do comércio e outras atividades deverá ser retomada no dia 28, na próxima quinta-feira.

De acordo com as informações do prefeito, as metas da cidade seguem assim: o número de casos suspeitos está em 3,51%, a ocupação de leitos no CTI está com 7,40%, a ocupação de leitos no Hospital de Campanha permanecem em 4,38%, o grupo de risco deve permanecer em isolamento social, o uso de máscara é obrigatório nas ruas e está proibida qualquer tipo de aglomeração.

Galeria de Fotos

Imagem computadorizada do coronavírus Reprodução/ Internet
Samuca Silva faz transmissão ao vivo, direto do Hospital do Idoso e anuncia os novos leitos para tratamento da covid-19 Reprodução/ Internet

Comentários