Culto religioso no sistema drive na Ilha São João, em Volta Redonda - Gabriel Borges
Culto religioso no sistema drive na Ilha São João, em Volta RedondaGabriel Borges
Por O Dia
Volta Redonda - Em continuidade às celebrações religiosas no sistema drive in, autorizadas pela Prefeitura de Volta Redonda, o pavilhão da Ilha São João recebeu na noite do último domingo, dia 26, cerca de 90 carros que participaram de um culto da Igreja Assembléia de Deus Ministério de Madureira, do Retiro.
Durante a cerimônia, foram arrecadados 213 kg de alimentos que serão destinados a famílias carentes da cidade, através do programa ‘Cidade Solidária’. Serão beneficiadas famílias que estão cadastradas na Secretaria Municipal de Ação Comunitária (Smac).
Publicidade
A celebração teve início às 19h e o objetivo do sistema drive in é amenizar os impactos causados pelas restrições necessárias no combate ao novo coronavírus, dando à oportunidade de as igrejas receberem seus fiéis, todos dentro de seus automóveis e respeitando as normas de distanciamento. Além de disponibilizar a agenda para as igrejas e o espaço para a realização das cerimônias, a prefeitura, através da Guarda Municipal, auxiliou o trânsito e a chegada dos veículos à Ilha São João.
“É uma forma de atendermos às necessidades da população, sem deixar de cuidar da saúde de todos. Com diálogo, conseguimos estabelecer condições para que cada um possa praticar sua religião em segurança, sem aglomerações”, afirmou o prefeito Samuca Silva.
Publicidade
Culto religioso no sistema drive na Ilha São João, em Volta Redonda - Gabriel Borges
O projeto de realização das celebrações religiosas na Ilha São João é realizado em conjunto pelas secretarias de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Smdet) e de Comunicação (Secom). As normas definidas para participação são as seguintes: permanência no próprio carro, sem nenhum contato entre pessoas, e os frequentadores precisam manter o uso das máscaras e ainda as orientações de higiene como o uso do álcool em gel.
Publicidade
O espaço pode receber uma média de 200 veículos por cerimônia e a utilização deve ser agendada previamente na prefeitura. A Ilha São João está aberta para sediar celebrações religiosas de todas as crenças.