Entrevista com a pré-candidata a prefeita de Volta Redonda. Dayse Penna, do PROS - Divulgação
Entrevista com a pré-candidata a prefeita de Volta Redonda. Dayse Penna, do PROSDivulgação
Por O Dia
Volta Redonda - A série de lives com os pré-candidatos à prefeitura de Volta Redonda promovida pelo jornal O DIA, recebeu nesta terça-feira, dia 25, Dayse Penna, do PROS. Na entrevista, a pré-candidata abordou questões sobre a mobilidade urbana, o papel da mulher na política, saúde, desenvolvimento econômico, entre outros temas. Comandaram a conversa, o colunista político do O DIA, Sidney Rezende e a repórter Denise Azevedo.
Dayse Penna logo no início da entrevista explicou que durante sua vida sempre foi envolvida com questões da coletividade, com desenvolvimento social e a última atividade foi como Secretária Municipal de Políticas para Mulheres, Idosos e Direitos Humanos de Volta Redonda e foi quando ela decidiu pela pré-candidatura.
Publicidade
“Quando a gente olha para esse cenário de participação, de poder, a gente ainda vê poucas figuras femininas, Em Volta Redonda, não é diferente, por exemplo, na Câmara de Vereadores nas ultima eleições só elegeu uma mulher. E nesse meu desejo de fazer com que outras mulheres se levantem para essa participação veio a pergunta: por que não eu? É acho que sou eu. E hoje estamos aqui”, disse.
Durante a entrevista, a pré-candidata falou que é preciso pensar no desenvolvimento para cidade. Ela citou a implantação do Polo metalmecânico para fortalecer novas empresas para empreender no município, mas acredita também no potencial da tecnologia. E citou eixos de trabalho que pretende realizar.
Publicidade
“São quatro eixos: cidade cuidadora, cidade inteligente, cidade dinâmica e cidade sustentável. Neste momento o que temos de mais abundante é a poluição. E eu penso que este problema, mas que poderia ter ambientes de negócios a partir disso, e Volta Redonda ter empresas que vão pensar em tecnologias para tornar a cidade que é vista como poluidora em uma cidade verde”, falou.
Sobre a questão da saúde, a pré-candidata declarou que caso seja eleita, irá investir na saúde primária.
Publicidade
“A gente escuta sempre falar que o melhor investimento é a prevenção. Precisamos fortalecer o vínculo com os médicos, enfermeiras, equipe. O meu desejo é fortalecer para que as estruturas estejam bem montadas e os profissionais sejam respeitados. Para que possam trabalhar de maneira mais tranqüila no atendimento”, afirmou.
Durante a live uma internauta questionou a pré-candidata sobre como ela trataria sobre o pagamento dos professores. Dayse declarou que será preciso reparar alguns equívocos e restaurar a questão da confiança com os funcionários.
Publicidade
“Seria um absurdo não cumprir. Mas precisamos pensar como vamos reparar esses equívocos todos. É necessário valorizar os profissionais, porque vimos que durante muitos anos a contratação aconteceu por RPA, depois houve um estímulo de cargos comissionados. Mas vamos precisar colocar isso em ordem. Não é simples. É preciso ter coragem de sentar, conversar e restaurar uma relação de confiança como funcionário público”, declarou Dayse Penna.
A pré-candidata finalizou dizendo para a população que é preciso não se conformar com as coisas que acontecem na cidade, no Estado, mas sim caminhar para um fortalecimento.
Publicidade
“É preciso fortalecer cada vez mais para que outras pessoas entrem para o cenário político e não se conformem com o que está acontecendo. Eu acredito que política não é profissão é participação cidadã”, concluiu.