Lady Chokey
Lady ChokeyDivulgação
Por O Dia
A influenciadora e gamer trans, Lady Chokey, lamentou os rumos que seu processo de transfobia ganhou recentemente. Apesar de ela ter inicialmente saído vitoriosa da ação em primeira instância, recentemente houve um pedido de arquivamento do processo. Nesta ação, Lady processou uma imobiliária e o dono de um flat por conta do preconceito que sofreu ao tentar alugar o imóvel em São Paulo.
E após a juíza Leila Hassem da Ponte, da 25ª Vara Cível de São Paulo julgar causa ganha à Chokey e condenar a imobiliária RC Flats e o proprietário do imóvel Roberto Corra a indenizá-la no valor de R$ 10 mil por danos morais, os réus recorreram da decisão se valendo do fato de a transfobia ter sido oficialmente considerada crime meses após o episódio em que Lady foi vítima do preconceito. 
Publicidade
"Fiz esse vídeo para me respaldar judicialmente, já que está claro que a justiça não está a meu favor. Estou lutando sozinha e estão tentando me calar. Cancelaram o crime falando que não foi transfobia e pediram o arquivamento do processo e a reformulação da indenização e isso me deixou indignada. Como não foi transfobia? Nos autos existem provas. As pessoas não mudam se não forem punidas e eu não vou me calar", disse a influencer.