Mais Lidas

Policiais ameaçam ir à Justiça por pagamento integral de RAS atrasado

Mais de 17 mil policiais civis, PMs e outros funcionários receberão os valores

Por PALOMA SAVEDRA

Governo reajustou o RAS dos policiais civis e militares e a gratificação do Segurança Presente
Governo reajustou o RAS dos policiais civis e militares e a gratificação do Segurança Presente -

Rio - O governo estadual vai pagar, nesta quarta-feira, a primeira parcela do que está atrasado do Sistema Integrado de Metas (SIM) aos servidores da Segurança. O acerto das gratificações de forma parcelada havia sido anunciado pelo governador Luiz Fernando Pezão, antes do Carnaval, quando ele também divulgou o pagamento das horas extras das categorias. A categoria ameaça ainda ir à Justiça para receber o que ainda não foi acertado. 

De acordo com o estado, ao todo, será depositado o valor de R$ 22 milhões. E o pagamento vai contemplar 17.343 policiais civis, militares, além dos servidores do Instituto de Segurança Pública (ISP).

Valor é referente a 2015

Essa primeira parcela é referente às metas devidas no segundo semestre de 2015. Ainda haverá mais três parcelas, que serão depositadas no fim de cada mês.

O governo informou que o valor total devido aos servidores da Segurança é de R$ 77,5 milhões. Sendo assim, os R$ 20 milhões correspondem à primeira das quatro parcelas. 

Os depósitos ocorrerão ao longo do dia, mesmo após o término do expediente bancário. 

 

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Sistema Integrado de Metas (SIM) são pagos a policiais civis e PMs; RAS se estende à Seap e bombeiros Jonhson Parraguez/Parceiro/Agência O Dia
Governo reajustou o RAS dos policiais civis e militares e a gratificação do Segurança Presente Reprodução

Comentários