Comissões da Alerj serão definidas esta semana

Por PALOMA SAVEDRA

Para afastar questionamentos de inconstitucionalidade sobre o projeto de piso regional do governo Witzel, a base aliada na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) vai propor o congelamento salarial apenas para o ano de 2019, como a Coluna informou na última sexta-feira. E a formação das novas comissões — que deve ser definida esta semana — é determinante para saber quem vai apresentar a emenda, ou um substitutivo ao texto original. 

A primeira discussão do projeto, com ‘reajuste zero’ até o fim de 2020, será nesta terça-feira. Vale lembrar que deputados contrários ao texto vão apresentar emendas para garantir o aumento de 3,78% — referente ao IPCA acumulado de 2018.

As formações das comissões da Alerj devem ser publicadas no Diário Oficial esta semana, disse à Coluna o presidente André Ceciliano (PT). E a expectativa é de que as composições sejam anunciadas na quarta-feira.

Perguntado se a nova Comissão de Constituição e Justiça será divulgada antes da discussão do piso, Ceciliano respondeu que não.

Assim, Gustavo Tutuca (MDB), que já era da CCJ, será o primeiro a ser chamado no plenário para dar o parecer ao texto. 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários