Educação Infantil do Rio tem déficit de 307 professores

Presidente da Comissão de Educação da Câmara vai pedir à prefeitura que faça cronograma para convocação de concursados: há 1.747 na fila de espera

Por PALOMA SAVEDRA

Documento enviado pela prefeitura ao presidente da Comissão de Educação da Câmara, Célio Luppareli, comprova o número
Documento enviado pela prefeitura ao presidente da Comissão de Educação da Câmara, Célio Luppareli, comprova o número -

Rio - Em meio ao caos que tomou a Prefeitura do Rio de Janeiro, mais precisamente o prefeito Marcelo Crivella, a Comissão de Educação da Câmara dos Vereadores aponta um déficit de 307 professores na Educação Infantil da rede municipal de ensino.

O número foi constatado pelo presidente do colegiado, vereador Célio Luppareli (DEM), após ele receber resposta ao seu requerimento de informações protocolado na prefeitura.

Luparelli — que foi a favor da abertura do processo de impeachment de Crivella na última votação e contra em sessão anterior — vai pedir ao governo municipal um plano de ação com cronograma de convocação dos professores que estão no banco de concurso que expira em 2020. Segundo o vereador, são 1.747 aguardando para ser chamados.

Comentários