Governo do Rio prevê retorno dos empréstimos consignados esta semana

Servidores do estado pedem restabelecimento do serviço urgente

Por O Dia

Palácio Guanabara, sede do governo do Estado do Rio
Palácio Guanabara, sede do governo do Estado do Rio -
Suspenso desde o início de março, o sistema de empréstimos consignados do Estado do Rio de Janeiro pode voltar esta semana. A previsão foi dada à coluna pela Secretaria da Casa Civil e Governança.
Em meio à pandemia do novo coronavírus, servidores estaduais (ativos e inativos) tentam contratar empréstimos e têm questionado a coluna sobre o retorno do serviço.
Aposentada da Secretaria de Administração Penitenciária, Zenilda Andrade, 63 anos, ressalta que os juros baixos dessa modalidade de operação ajudam muito, principalmente nesse período. "Precisamos do retorno do consignado urgente", frisa Zenilda. 
Em nota enviada na última quinta-feira (26 de março), a Casa Civil informou que "o sistema de empréstimos consignados está suspenso, desde o início deste mês de março, após encerramento do contrato com a empresa que realizava o serviço". Afirmou ainda que "o governo está finalizando análises técnicas para contratação de uma nova empresa. A previsão é de que a margem consignada, com lançamento em folha de pagamento, volte a ser disponibilizada na próxima semana (esta semana)".

Comentários