Prefeitura do Rio inicia nova distribuição de máscaras e álcool em gel para guardas

Guarda Municipal informou que, ao todo, foram adquiridas 15 mil máscaras e oito mil frascos de álcool em gel

Por O Dia

Guardas municipais receberão materiais de proteção individual nesta terça-feira
Guardas municipais receberão materiais de proteção individual nesta terça-feira -
A Guarda Municipal do Rio informou nesta segunda-feira que inicia, amanhã (7 de abril), uma nova distribuição de materiais de proteção aos agentes. Serão entregues mais 15 mil máscaras e 8 mil frascos de álcool em gel de 100ml para os guardas. De acordo com a GM-Rio, essa é a terceira aquisição de material de proteção individual para prevenção à Covid-19 para uso dos servidores durante as ações de patrulhamento na cidade.

O órgão afirmou ainda que "as duas primeiras compras foram feitas em março, com a Guarda Municipal e a Secretaria Municipal de Ordem Pública adquirindo 11 mil pares de luvas (nos tamanhos P, M e G), 5.360 máscaras, 407 litros de álcool em gel, além de 60 litros de sabonete líquido, 110 fardos de papel toalha, 12 caixas de água sanitária e 25 caixas de alvejante para a limpeza da sede, bases operacionais e higienização das viaturas".

"As solicitações de compra foram iniciadas na primeira semana de março. Enfrentamos dificuldades com fornecedores, que cobraram preço alto ou não tinham os produtos disponíveis para entrega imediata devido à alta demanda por este tipo de produto, mas conseguimos manter a entrega necessária para proteger nossos agentes nas ruas", destaca o inspetor Marcelo Esteves, chefe de gabinete que também responde pela Inspetoria Geral da Guarda Municipal do Rio.
'Emenda inconstitucional'
A coluna questionou a GM-Rio nesta segunda-feira após o prefeito Marcelo Crivella vetar uma emenda (ao projeto de lei que muda a jornada de trabalho dos guardas) que previa o fornecimento dos EPIs (equipamentos de proteção individual). 
O órgão declarou que a emenda, aprovada pela Câmara, é inconstitucional. 
Além disso, indagou a Guarda Municipal sobre as reclamações de agentes sobre a falta de distribuição do material. E também sobre o cumprimento de liminar do Tribunal de Justiça do Rio, que obriga o órgão a fornecer os EPIs.
Sobre isso, a GM-Rio disse que os materiais foram comprados antes da decisão judicial. E a respeito da falta de material, respondeu o seguinte: "Não é verdade. A Guarda Municipal distribuirá nesta terça-feira, dia 7, 15 mil máscaras e 8 mil frascos de álcool em gel de 100ml para uso e proteção dos guardas municipais. É a terceira compra desse tipo de produto realizada pela Guarda, em conjunto com a Secretaria Municipal de Ordem Pública. Em março, foram adquiridos ainda 11 mil pares de luvas (nos tamanhos P, M e G), 5.360 máscaras, 407 litros de álcool em gel 65% e 70%, além de sabonete líquido, papel toalha, água sanitária e alvejante para a limpeza da sede, bases operacionais e viaturas".
 

Comentários