Professor cria startup de educação por assinatura

Ao estilo Netflix empresa tem pacotes para vestibulares mais disputados

Por O Dia

Professor de matemática criou plataforma de ensino que prepara para o Enem e vestibulares concorridos
Professor de matemática criou plataforma de ensino que prepara para o Enem e vestibulares concorridos -

Há um ano, o professor de matemática Alexandre Azevedo realizou o sonho de abrir o próprio negócio: uma startup de educação online voltada para o Enem e vestibulares nas áreas de Medicina e Engenharia. Batizada de Fábrica D, a plataforma tem foco aprofundado para o estudo de alta performance e se especializou nos concursos mais difíceis, como o do Instituto Militar de Engenharia (IME).

O negócio se propõe a entregar uma educação de qualidade e acessível. Para isso, conta com um time de professores renomados, além de aulas ao vivo na tela do celular. "Pensamos no aluno que não se sente à vontade em ver inúmeros mapas e gráficos no quadro negro. Por isso, usamos vídeos para que o desempenho seja o melhor possível", diz Azevedo.

Com assinaturas a partir de R$ 9,90, os estudantes assistem a videoaulas e são acompanhados pelos professores, que podem tirar dúvidas a qualquer momento. "Nosso objetivo é aplicar a política de preço do Netflix e, com isso, levar oportunidade de ensino direcionado para todos, de forma online, em qualquer região do país", diz o empresário.

Futuras parcerias

A startup ainda oferece cursos preparatórios para vestibulares que exigem do aluno uma preparação diferenciada, como os da Fuvest e Unicamp. Os planos têm parceria com escolas de Ensino Médio, onde a plataforma da Fábrica D vai servir de apoio ao estudo dirigido. O site produz conteúdos específicos para essas instituições de ensino, de acordo com a demanda de cada uma.

"Levar essa dinâmica das videoaulas em complemento à sala de aula faz a diferença no resultado do aluno. Nossa meta é que o primeiro ano de vestibular com a gente seja o único do aluno", diz o idealizador.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia