Vai na Web abre inscrições para curso gratuito de programação de computadores

Nas aulas, alunos aprendem a criar sites e aplicativos para qualquer tipo de tela

Por O Dia

Aulas gratuitas ensinam jovens a criar sites e aplicativos
Aulas gratuitas ensinam jovens a criar sites e aplicativos -

O mercado de Tecnologia da Informação registra carência de profissionais no Brasil. Segundo estudo da consultoria IDC, 160 mil postos deixaram de ser preenchidos no país em 2019 por falta de profissionais qualificados. No Morro dos Prazeres, em Santa Teresa, o curso de programação de sites e aplicativos da startup Vai na Web vem contribuindo para diminuir esse descompasso e, ao mesmo tempo, combater desigualdades sociais. As aulas são gratuitas, presenciais e voltadas para moradores de favelas do Rio. As inscrições para a próxima turma estão abertas e vão até segunda-feira.

"Além de dar oportunidade, derrubamos mitos da favela, pois temos muita potência e o que fazemos é estimular e capacitar essa juventude, que faz uso da tecnologia no dia a dia, a programar esses sistemas que já utilizam", conta Zoraide Gomes, a Cris dos Prazeres, CEO da Vai na Web.

As aulas começam em fevereiro e são focadas na criação de páginas web responsivas, com lições sobre as linguagens HTML5, CSS3 e design de interfaces. "Os alunos aprendem a construir sites que se adaptam a todos os tipos de telas: computador, celular e tablets", explica Aline Fróes, fundadora da startup.

Segundo ela, cerca de 40% dos alunos ingressam no mercado de trabalho após a conclusão das aulas. Foi o que aconteceu com Evelyn Mendes, Kelvin Fernandes, Yasmin Miranda e Camila Soares, que, na última semana, trabalhavam em sites e aplicativos para grandes empresas na sede da Vai na Web.

Alunos da turma em andamento: jovens da Zona Oeste, do Prazeres e de comunidades próximas - Divulgação

Para eles, o curso na startup era a oportunidade que precisavam para desenvolver seus potenciais. "Eu nunca imaginei que trabalharia com TI. Sempre me vi numa área mais burocrática ou de vendas. Acabei descobrindo uma vocação na tecnologia", conta Camila.

Já Cicero Matos, também ex-aluno, conseguiu emprego em uma startup de São Paulo. Hoje, é professor da Vai na Web. "Quando me chamaram, retornei correndo. Quero dar de volta tudo o que recebi em conhecimento e oportunidade", diz Matos.

HABILIDADES EMOCIONAIS

Além da parte técnica, o curso também busca desenvolver as habilidades socioemocionais nos alunos, com aulas sobre comunicação não-violenta, resiliência, meditação e diversidade.

INSCRIÇÕES

As inscrições devem ser feitas até a próxima segunda-feira, dia 27, pelo site bit.ly/VNWMODI-2020. As aulas começam em fevereiro e vão até abril, com carga horária total de 144 horas. O curso será realizado na Associação de Moradores do Morro dos Prazeres, que fica na Rua Gomes Lopes 12, em Santa Teresa. Após a confirmação da inscrição, os alunos serão convocados para uma entrevista presencial.
 
DOIS TURNOS
 
As aulas serão às segundas, quartas e sextas-feiras, em dois turnos: manhã (das 9h às 12h) e tarde (das 14h às 17h). O curso é voltado para jovens entre 16 e 29 anos que tenham interesse em iniciar uma carreira na área de tecnologia.
 
ACOMPANHAMENTO
 
Uma parceria com a Associação Brasileira de Psicanálise de Osasco (Abrapsico) oferece aos alunos sessões de psicanálise online como parte da formação.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Aulas gratuitas ensinam jovens a criar sites e aplicativos fotos de Divulgação
Alunos da turma em andamento: jovens da Zona Oeste, do Prazeres e de comunidades próximas Divulgação

Comentários