Cecierj e Dell com duas mil vagas de curso para PcDs

Objetivo é promover qualificação gratuita para moradores do Rio com deficiência ou em situação de vulnerabilidade social

Por O Dia

auxiliar de operação Rosangela Barreto, de 50 anos, é funcionária do MetrôRio há um ano. Ela entrou na empresa por meio de vaga para portador de deficiência.
auxiliar de operação Rosangela Barreto, de 50 anos, é funcionária do MetrôRio há um ano. Ela entrou na empresa por meio de vaga para portador de deficiência. -

A Fundação Cecierj e a empresa Dell Technologies, por meio da Secretaria de Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, firmaram uma parceria para oferecer duas mil vagas para o Programa Gratuito de Qualificação Acessível Profissional. A iniciativa é especialmente voltada para moradores do Estado do Rio com alguma deficiência ou em situação de vulnerabilidade social. As inscrições vão até o dia 2 de março. 

Cada candidato poderá escolher apenas uma opção entre os 13 cursos oferecidos. Entre as aulas fornecidas há 'Informática Prática', 'Empreendedorismo e ética', 'Cursos técnicos na área de programação' e 'Introdução a aplicativos online do Google'. 

Os cursos serão aplicados pela Dell, por meio de uma plataforma. O aluno que não tiver computador disponível para acessar o material poderá comparecer a um polo do Cederj mais próximo, de terça a sexta-feira, das 13h às 17h, para utilizar o laboratório de informática da unidade. O conteúdo também poderá ser acessado pelo aplicativo Aprendizado Acessível, disponível em versões para Android e IOS.

As inscrições podem ser feitas pelo site www.leadfortaleza.com.br. A divulgação da lista dos selecionados será feita no dia 6 de março. O início das aulas acontecerá no dia 16 do mesmo mês.

Chances de empregos

Além do curso, há também vagas abertas para pessoas com deficiência. O MetrôRio está com inscrições para diversas áreas da empresa. Para se candidatar, é necessário ter Nível Médio, experiência administrativa e noções de informática. Será diferencial ter conhecimento em SAP.

A empresa oferece assistência médica e odontológica, auxílio-creche, cesta básica, prêmio para pontualidade e assiduidade, seguro de vida, vale-refeição, vale-transporte, vale-alimentação, previdência privada e participação nos lucros e resultados. As inscrições estão abertas no site www.metrorio.com.br/trabalhe-conosco, até o dia 20 de fevereiro.

A auxiliar de operação Rosangela Barreto, de 50 anos, é colaboradora do MetrôRio há um ano, e entrou na empresa por meio de vaga para portador de deficiência. "O MetrôRio me abriu as portas, me aceitou e me acolheu com muito carinho. A empresa enxerga o portador de deficiência como um profissional que tem potencial, e isso me motiva muito", comemora Rosangela.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários