Por fabio.klotz

Rio - O cenário do MMA mundial para 2014 promete ser no mínimo austero e cauteloso, do ponto de vista financeiro do UFC. Dos cinco maiores vendedores de pay per view em atividade, apenas um detém um título do evento (Jon Jones). Para piorar, a aposentadoria de Georges St-Pierre ainda representou prejuízo incalculável. A esperança de Dana White & Cia. e de todos nós é que Anderson Silva, o segundo da lista, volte ao topo dos médios com vitória sobre Chris Weidman. Outro revés pode amadurecer sua ideia de se retirar do octógono. O Spider considera ter dado sua contribuição ao esporte e não suporta mais ter seus sonhos podados. Problemas que o ano que vai nascer trará já no tilintar de taças do Réveillon. Novos ídolos precisam surgir capazes de sacudir multidões e outras formas de captação de recursos serão colocadas em prática. Mas Anderson pode amenizar a perda.

Anderson Silva vai encarar Weidman mais uma vezDivulgação

Sem preferência

De camarote, Vitor Belfort aguarda o vencedor de Weidman x Anderson. Ele não tem preferência por adversário. “Que vença o campeão, quero pegar o melhor”, frisa Vitor, sendo evasivo. Esse novo duelo pode ser no Brasil.

Telão motiva Tibau

Nascido em Tibau (RN), o peso-leve Gleison ganhou incentivo para pegar Michael Johnson: haverá telão na cidade passando sua luta. “Vou entrar com mais vontade de vencer e dar essa alegria aos conterrâneos.”

Game vai bombar

A Team Nogueira está confirmada no MMA Federation, primeiro game do esporte para smartphones e tablets, que chega às lojas no segundo semestre de 2014. O jogo é criação do locutor Bruce Buffer.

Você pode gostar