José Aldo promete enlouquecer em caso de vitória

‘Vou sair algemado daquela p...’, afirma o campeão dos penas

Por pedro.logato

Rio - Campeão do povo, o habitat de José Aldo é no meio da galera. Em sua primeira luta pelo UFC no Rio, em janeiro de 2012, o peso-pena nocauteou Chad Mendes e cometeu a loucura de se jogar nos braços da torcida. Levou um puxão de orelha do presidente Dana White, mas não se intimidou. Com novo duelo marcado contra o mesmo adversário, sábado, no Maracanãzinho, o manauara garante que sua nova comemoração promete causar polêmica de novo.

José Aldo vai enfrentar Chad Mendes no MaracanãzinhoFabiano Battaglin / Divulgação

“Vai ter uma algo especial, sim. Mas não posso falar o que é. É segredo. Senão, os caras vão ficar no meu pé. Vão colocar três seguranças na minha cola. Se eu contar o que pretendo fazer, vou sair algemado daquela p...”, brincou José Aldo.

Aos 28 anos e com um brilhante cartel de 24 vitórias e apenas uma derrota, o brasileiro sabe que precisa promover suas lutas usando o que os americanos chamam de ‘trash-talking’ — termo oriundo do boxe para designar insultos entre os adversários. As polêmicas recentes com Mendes apimentaram ainda mais o duelo principal do UFC 179. Mas, lá dentro, Aldo promete falar menos e fazer mais.

“O que a gente tinha que vender, já vendeu. Não, espera aí, ainda tem o pay per view (risos). Mas o que a gente tinha para fazer, já fez”, afirmou o dono do cinturão dos penas, colocando mais lenha na fogueira: “Todo mundo já sabe que o campeão já bateu nele (Mendes) uma vez e vai bater de novo”.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia