Giba vai à Suíça pleitear ouro olímpico para o vôlei do Brasil em Londres-2012

Brasil perdeu final da Olimpíada para a Rússia, que teria jogadores envolvidos nos escândalos de doping revelados no último ano

Por O Dia

Rio, 27 (AE) - O ex-jogador de vôlei Giba viajou nesta sexta-feira à Suíça para analisar a possibilidade de o Brasil pleitear a medalha de ouro no vôlei de quadra dos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012. O motivo seria a suposta participação de atletas russos envolvidos com doping naquela Olimpíada. Na ocasião, o Brasil perdeu a final do vôlei masculino para a Rússia, de virada, por 3 sets a 2.

Giba fez história com a seleção brasileiraDivulgação

Presidente da Comissão de Atletas da Federação Internacional de Vôlei (FIVB), Giba irá se reunir nesta segunda-feira com os departamentos de doping e jurídico da FIVB para "entender e ratificar os supostos problemas" envolvendo os atletas russos. Giba pretende apresentar os dados do encontro para o Comitê Olímpico do Brasil (COB) para, a partir daí, entrar com um pedido de revisão de medalhas.

A possibilidade de que sete atletas do time russo de vôlei atuaram sob efeito de doping é baseada no relatório elaborado pela equipe chefiada pelo professor de direito da Western University, do Canadá, Richard McLaren, divulgada no ano passado

A pedido da Agência Mundial Antidoping (Wada, na sigla em inglês), Richard McLaren comandou um estudo em que apontou que até mil atletas russos atuaram sob esquema de doping com a anuência do governo da Rússia.

Últimas de Esporte