Repórter teria sido afastado da Globo por tentar 'abafar' o escândalo envolvendo Neymar

Postura de Mauro Naves teria desagradado a emissora

Por Lance

Mauro Naves ao lado de Pelé
Mauro Naves ao lado de Pelé -
Rio - A Rede Globo afastou Mauro Naves do dia a dia da Seleção Brasileira após a comprovação da participação do repórter no caso Neymar. Segundo a emissora, o repórter intermediou o contato entre o pai de Neymar e o primeiro advogado de Najila Trindade, José Edgard Cunha Bueno.

Porém, segundo o portal 'Noticias da TV', não foi bem isso que aconteceu. Ao invés de apenas intermediar o contato para obter um furo de reportagem, Mauro teria tentado 'abafar' o escândalo para que ele não saísse na mídia, o que desagradou a cúpula da Globo que afastou o repórter mas não explanou a situação em respeito aos 31 anos de serviços prestados pelo profissional.

De acordo com o comunicado oficial lido por William Bonner no Jornal Nacional do dia 5 de junho, Mauro Naves repassou o contato por esperar que teria a história com exclusividade. No comunicado, o apresentador do telejornal diz que o comportamento de Naves foi contra a diretriz de conduta que a emissora espera de seus profissionais:

"Mauro Naves é um profissional excelente, com grandes contribuições ao jornalismo esportivo da Globo, mas há evidências de que as atitudes dele neste caso contrariam a expectativa da empresa sobre a conduta de seus jornalistas. Em comum acordo, o repórter Mauro Naves deixará a cobertura de esportes da Globo até que os fatos sejam devidamente esclarecidos", comunicou Bonner.