Em Grande Fase
Coluna
Em Grande Fase
Com Edilson Silva

O VAR e os dias contados

Por O Dia

O trabalho do Árbitro de Vídeo vem provocando muita polêmica
O trabalho do Árbitro de Vídeo vem provocando muita polêmica -

O VAR começou neste ano e já vem destruindo aos poucos o bom do nosso futebol: falar do jogo. Mas ele pode estar com os dias contados. Segundo o comentarista de 'Os Donos Da Bola' e da 'Rádio Globo' Eraldo Leite, no fim do ano acontecerá um arbitral entre todos os clubes da Série A do Campeonato Brasileiro e eles votarão se o recurso deve ou não continuar para 2020. Eraldo, também presidente da Associação de Cronistas Esportivos do Rio de Janeiro (Acerj) e da Associação de Cronistas Esportivos do Brasil (ACEB), teve uma reunião com Rogério Caboclo, presidente da CBF, e o fato é que tudo dependerá da decisão dos clubes. Se eu fosse um clube, não pensaria duas vezes: acaba, VAR! O futebol existe há mais de 100 anos e segue mais vivo do que nunca, fazendo belas histórias e dando alegria ao povo. Como disse: não sou contra a tecnologia, mas quando o jogo em si é deixado de lado, alguma coisa está errada. Agora vamos ver o que os clubes, principalmente os mais prejudicados, pensam sobre isso.

 

ENFIM UMA LUZ

Depois de muita especulação, enfim, o projeto Botafogo S/A vai acontecer. Agora o negócio vai ser captar investidores e, para quem achava que os irmãos Moreira Salles seriam os salvadores da pátria, lamento: ainda não há garantia de investimento no Alvinegro. Deram nomes aos heróis antes de eles existirem! Parece que a luz está chegando. A dedicação do presidente Nelson Mufarrej foi crucial.

VAI TER GENTE PENANDO

O primeiro e único clube a bater a meta e ficar bem acima da audiência estipulada pela TV foi o Flamengo. Resultado? A cifra de R$ 23 milhões a mais no bolso. E ainda tem o Campeonato Carioca. Essa renovação vai custar caro à detentora dos direitos. O Rubro-Negro tem toda razão em subir a régua. Quem dá mais tem que ganhar mais também.

 

VAMOS VER, CONMEBOL

A final da Libertadores está mantida para o Chile, mesmo com todo o caos político no país. Lembrando tudo que envolveu Boca Juniors x River Plate, na decisão de 2018, que teve que ser na Espanha. Agora vamos ver se a Conmebol vai ter competência para bater no peito e organizar uma final decente ou será mais um desastre na conta da entidade. Pelo menos o flamenguista que estourou o limite da sogra para comprar a passagem vai dormir tranquilo.

Comentários