Em Grande Fase
Coluna
Em Grande Fase
Com Edilson Silva

O erro breve e o acerto a longo prazo

Por O Dia

Gabigol foi decisivo no jogo do título da Recopa para o Flamengo
Gabigol foi decisivo no jogo do título da Recopa para o Flamengo -

Veja bem que interessante: com 11 jogadores no primeiro jogo, o Flamengo de Jorge Jesus tomou certo sufoco. O português preferiu Diego ao invés de Pedro, que depois entraria para marcar seu gol contra o Independiente Del Valle, no Equador. O jogo de volta da Recopa foi no Maracanã e todos esperavam uma final de um Rubro-Negro dominante. Mas a expulsão de Willian Arão, logo no começo do primeiro tempo, pareceu desmoronar nos momentos iniciais aquele time que estamos acostumados a ver. Sufoco. O Rubro-Negro chegou a cometer uma série da faltas, já que o placar estava 1 a 0 e o time do espanhol Miguel Ángel Sanchez só crescia. Até que os craques apareceram. Gabigol e Gerson fizeram seus melhores jogos com a camisa do Flamengo. Resultado? Placar de 3 a 0 e mais um título. Cinco em menos de um ano. Mais troféus do que derrotas (quatro) para Jorge Jesus. E a vitória dele foi fora de campo, a longo prazo, já que treina com 10 contra 11 frequentemente no Ninho do Urubu. Se errou no primeiro, acertou em cheio, não só no segundo, mas há muito tempo. E seguimos nos perguntando: quem aqui, na América do Sul, é capaz de parar esse Flamengo?

 

PARADAS DURAS

Vasco e Fluminense vão estrear contra adversários que são favoritos ao título do Campeonato Brasileiro. O Cruzmaltino pega o Palmeiras, no Allianz Parque, e não tem boas lembranças. Em 2017, quando estreou lá no Brasileirão, perdeu por 4 a 0. Já o Tricolor tem na memória a virada épica por 5 a 4 contra o Grêmio, na Arena, e vai com esse otimismo buscar um bom resultado na estreia da maior competição nacional da América do Sul. Já estava com saudade!

 

PARA COMEÇAR VOANDO

O Flamengo, principal favorito e atual campeão brasileiro, pega um desfigurado e em crise Atlético-MG na estreia do Brasileiro. É para "passar o carro no Maracanã". Já o Fogão recebe o Bahia, time que, em 2019, foi mais perigoso fora do que dentro de casa. Mas é hora de fazer o Nilton Santos ser algo amedrontador aos adversários e nada melhor do que um primeiro jogo em casa.

 

MEUS SENTIMENTOS A UM GRANDE AMIGO

Valdir Espinosa nos deixou ontem e eu também perdi um grande amigo. Um profissional que dispensa comentários pelo currículo, mas uma pessoa melhor ainda do que o técnico, diretor e tudo mais que foi. Um cara alegre, sempre educado e disposto a atender a todos. Meus sentimentos à família de um cara que estará sempre marcado na história do futebol e também no coração de todos que amam o esporte.

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Gabigol foi decisivo no jogo do título da Recopa para o Flamengo Daniel Castelo Branco
Gabigol foi decisivo para o Flamengo na conquista da Recopa Sul-Americana Daniel Castelo Branco / Agencia O Dia

Comentários