Em Grande Fase
Coluna
Em Grande Fase
Com Edilson Silva

Montenegro explica venda

Por O Dia

Montenegro diz que Autuori avalizou a saída de Luiz Fernando
Montenegro diz que Autuori avalizou a saída de Luiz Fernando -
A Coluna de ontem trouxe os desdobramentos da negociação praticamente sem sentido de Luiz Fernando com o Grêmio. Carlos Augusto Montenegro, meu amigo e que faz parte do comitê gestor do Botafogo, me explicou que o atleta não estava tendo boas atuações e precisava evoluir. Além disso, o Alvinegro já tem outras opções como o próprio Kalou. Segundo ele, tudo passa pelo Autuori e teve aval sim do comandante. Sobre Benevenuto e Pedro Raul, Montenegro disse que ainda não há proposta, mas não descartou a venda do zagueiro e do atacante do Botafogo. Sobre a S/A, ele comentou que o comitê gestor não tem relação com a possível mudança de estrutura no clube. Respeito toda a explicação, mas não entendo que o Luiz Fernando seja uma peça que deveria ser emprestada. De qualquer forma, está aí a explicação de quem está dentro do Botafogo. Esse é o nosso papel junto ao torcedor alvinegro.

KALOU REGULARIZADO

Agora eu quero ver. O Honda ainda não mostrou muito a que veio, mas estou esperançoso no Kalou. Rápido, forte, habilidoso e que pode mudar o Botafogo, de Paulo Autuori, de patamar. Acredito que ele vá render até mais rápido do que o japonês. Será que já joga contra o Internacional? É duelo com o líder. Prova de fogo melhor não existe. E vai chegar justamente para substituir o negociado Luiz Fernando. Torcida alvinegra animada e em grande fase!

SEM ANDREY VAI SER DIFÍCIL

O volante Andrey, um dos melhores jogadores do Vasco em 2020, não vai enfrentar o Fluminense, amanhã. Ele recebeu três cartões amarelos e, com isso, está suspenso. Ramon Menezes vai ter que quebrar a cabeça porque as opções são mínimas. Juninho e Carlinhos estão na briga, mas jogam na posição de segundo volante. Um problema que pode desestabilizar o bom time montado pelo comandante vascaíno.

ELEIÇÕES PARA O COB COMEÇAM

Paulo Wanderley (candidato de Rogério Caboclo, presidente da CBF), Alberto Murray e Rafael Westrupp estão concorrendo à presidência do Comitê Olímpico do Brasil. Até o dia 8 de setembro os dois últimos registram suas chapas e concretizam a concorrência. O apoio da CBF é crucial. Agora quero ver se Caboclo vai mudar de posição ou se seguirá com o seu candidato.

Comentários