Com 'futebol do Brasileiro', Flamengo fica no zero a zero com a Portuguesa

Rubro-Negro não repete nível de atuação na Copa do Brasil

Por fabio.klotz

Fortaleza - Mudou o campeonato, mudou o "futebol". Após uma atuação de gala pela Copa do Brasil na goleada sobre o Botafogo, o Flamengo voltou ao Brasileiro e teve uma performance burocrática, sem criatividade. Resultado: empate em 0 a 0 com a Portuguesa, neste domingo, no Castelão. O Rubro-Negro se mantém naquela zona intermediária da competição e perde a oportunidade de distanciar ainda mais da zona da degola.

Com o empate, o Flamengo agora soma 41 pontos e ocupa a 11ª colocação, com oito pontos de vantagem sobre a Ponte Preta, primeiro clube no Z-4. A Lusa tem 39 pontos e está na 13ª colocação.

Na próxima rodada, no domingo, às 19h30, o Flamengo faz o clássico com o Fluminense no Maracanã. Antes, na quarta-feira, encara o Goiás, no Serra Dourada, no primeiro jogo da semifinal da Copa do Brasil. A Portuguesa joga no sábado e enfrenta o São Paulo no Morumbi.

Sem Carlos Eduardo, suspenso, Jayme de Almeida colocou João Paulo na lateral esquerda e adiantou André Santos para o meio de campo. Luiz Antônio foi mantido no time. O Fla sofreu com falta de criatividade. O resultado não poderia ter sido outro: um 0 a 0.

Flamengo ficou no 0 a 0 com a PortuguesaEstadão Conteúdo

O JOGO

Portuguesa e Flamengo maltrataram a bola. O jogo era com muitos passes errados e faltas. Chances de gol? Poucas. Faltava acertar o último passe. A solução foi arriscar de fora da área. Amaral errou na saída de bola e Bruno Henrique chutou com perigo. A resposta do Fla foi com João Paulo. Lauro espalmou o arremate do lateral-esquerdo.

Após cruzamento de João Paulo, a bola sobrou para Hernane. Ele se enrolou com Lima, que até segurou o atacante. Ele pediu pênalti. A arbitragem mandou o lance seguir acertadamente. O primeiro tempo teve 39 passes errados: 22 da Lusa e 17 do Rubro-Negro.

O segundo tempo foi mais animado. O nível não melhorou muito, mas, pelo menos, teve mais chances de gol. Em jogada pela direita, Luiz Antônio chutou cruzado, mas André Santos emendou para fora. O Fla ainda deu sorte. Souza cobrou falta e André Santos usou o braço para tirar. A arbitragem não viu e ignorou o pênalti.

A Lusa ameaçou com Gilberto. Em contra-ataque, ele chutou para defesa de Felipe. O Fla respondeu com Paulinho, que emendou da entrada da área. A bola desviou e assustou Lauro. Na cobrança de escanteio, Hernane acertou o travessão.

Jayme de Almeida fez duas mudanças no Flamengo. O técnico colocou Diego Silva e Rafinha. Saíram Luiz Antônio e André Santos. O Rubro-Negro ensaiou uma pressão. Porém, não conseguiu marcar e amargou um 0 a 0.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia