Capitão do time, Léo Moura apoia volta de Luiz Antonio ao elenco rubro-negro

Voltante voltou às atividades nesta quinta, no Ninho do Urubu

Por rodrigo.hang

Rio - Reintegrado ao elenco rubro-negro no treino desta quinta-feira, no Ninho do Urubu, depois de dois meses de impasse judicial, o volante Luiz Antonio foi recebido com carinho por técnico Jayme de Almeida e pelos antigos companheiros. Ele se exercitou na academia e depois fez trabalho físico no gramado. Capitão da equipe, Léo Moura usou sua conta oficial do Twitter para parabenizar o jogador de 22 anos pelo retorno ao Flamengo.

De volta ao Flamengo Luiz Antonio marcou presença no treino desta quinta-feira, no Ninho do UrubuDivulgação

"Bem-vindo, @LuizAntonio_38! Parabéns por ter reconhecido o erro e ter voltado atrás! O @Flamengo é a sua casa, e vamos te apoiar!", publicou Léo Moura, na rede social.

O jogador estava sem jogar desde o fim de 2013, quando entrou com uma ação na Justiça, pedindo a rescisão de contrato, que termina em agosto de 2016. A tentativa não teve sucesso. Na quarta-feira, o volante pediu desculpas à torcida e à diretoria rubro-negra pelo imbróglio e anunciou sua volta ao clube. Ele afirmou ter sido alvo de pessoas que o influenciaram a acionar o Flamengo.

Jayme de Almeida deve contar com o jogador para as oitavas de final da Copa Libertadores, caso o Flamengo se classifique, pois o prazo de inscrição de atletas para a fase de grupos do torneio já se encerrou.

Luiz Antonio subiu para a equipe principal do Flamengo em 2011, quando o time era treinado por Vanderlei Luxemburgo. O volante foi se afirmar na equipe titular em 2013, sob o comando de Jayme. Ele foi um dos principais jogadores na campanha da Copa do Brasil do último ano, seu único título pelo clube carioca.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia