Lewandowski lamenta saída de Paulo Sousa da Seleção da Polônia e comenta acerto com FlamengoFoto: Reprodução/Redes Sociais

Rio - O centroavante Lewandowski, do Bayern de Munique, comentou sobre a chegada do técnico Paulo Sousa ao Flamengo, após a derrota por 2 a 1 para o Borussia M’Gladbach, pelo Campeonato da Alemanha, na última sexta-feira. Em entrevista à "VlaPlay Sport", relembrou a forma que o treinador português saiu do comando da Polônia.
"Quando fiquei sabendo da situação, a primeira coisa que pensei foi se era verdade. Houve choque e decepção. Não tive qualquer informação prévia. Não recebi nenhum sinal do treinador. Fiquei incrédulo. Foi uma grande decepção para mim", lamentou.
O experiente centroavante aproveitou para comentar que não procurou o técnico Paulo Sousa para tentar a permanência na seleção polonesa. Além disso, Lewandowski projetou o trabalho do novo treinador da Polônia e destacou que espera uma classificação na Copa do Mundo, no Catar.
"Não senti necessidade de falar com o treinador. A forma como foi resolvido deixou tudo muito a desejar. Eu não sou implacável, não existem pessoas insubstituíveis. O mais importante é que o novo treinador tome as decisões certas. Não esperamos grandes mudanças, mas quanto antes o treinador for selecionado, melhor para ele e melhor para nós", concluiu.