Após demissão, Ramon agradece chance e afirma: 'Seguirei torcendo'

Em comunicado nas redes sociais, treinador se manifesta sobre a saída do Vasco e se declara ao clube: 'Torcida tinha um representante dentro de campo'

Por Lance

Miranda deixou boa impressão na ausência de Ricardo Graça e ganhará nova chance de Ramon
Miranda deixou boa impressão na ausência de Ricardo Graça e ganhará nova chance de Ramon -
Rio - Após ser demitido do Vasco nesta quinta-feira, Ramon Menezes se pronunciou pela primeira vez sobre a decisão da diretoria. Em comunicado nas redes sociais, o treinador agradeceu a oportunidade e afirmou que seguirá na torcida pelo Cruz-Maltino.
A decisão da saída de Ramon ocorreu após a derrota por 3 a 0 para o Bahia, nesta quarta-feira, pela 14ª rodada do Brasileirão. Além do treinador, deixam o clube carioca o auxiliar técnico Thiago Kosloski e o preparador físico Léo Cupertino.

Ainda na busca pelo substituto, o Vasco se prepara para enfrentar o Flamengo, neste sábado, às 17h, em São Januário. A tendência é de que Júnior Lopes, auxiliar permanente do clube, comande o time no clássico. Atualmente, o Cruz-Maltino ocupa a 10ª posição na tabela, com 18 pontos.

Comentários