O presidente Jorge Salgado (E) e Luxa conversam durante o treino - Rafael Ribeiro / Vasco / Divulgação
O presidente Jorge Salgado (E) e Luxa conversam durante o treinoRafael Ribeiro / Vasco / Divulgação
Por O Dia
Rio - Virtualmente rebaixado para a Série B, o Vasco terá problemas graves para resolver dentro e fora do campo na próxima temporada. O Cruzmaltino completou recentemente dois meses de salários atrasados, além do 13°. As informações são do portal "Esporte News Mundo".
Publicidade
No último sábado, véspera da partida contra o Corinthians, o mês de janeiro venceu e acabou não sendo pago pela atual diretoria. Por um acordo entre clube, jogadores e funcionários, o vencimento dos salários acontece no dia 20, e não no quinto dia útil.
Na primeira semana da gestão do atual presidente Jorge Salgado, no fim de janeiro, ele conseguiu o mês de novembro. Desde então, não foram feitos os pagamentos dos meses seguintes.