Marcelo Cabo estreou com empate pelo Vasco
Marcelo Cabo estreou com empate pelo VascoRAFAEL RIBEIROvasco
Por O Dia
A estreia pelo Vasco não foi como o esperado, mas Marcelo Cabo viu pontos positivos no empate em 2 a 2 com o Nova Iguaçu, como a atuação de Gabriel Pec e a participação dos recém-chegados Ernando e Marquinhos Gabriel. Entretanto, prega cautela em relação à chegada de mais reforços para a temporada.
"A diretoria segue trabalhado em busca de reforços. Não adianta trazer por trazer. Tem que vir para acrescentar, como esses que já apresentamos. O critério tem que ser paciência, equilíbrio, tranquilidade. Estamos trabalhando incessantemente. Os reforços vão chegar, esperamos o quanto antes", afirmou Marcelo Cabo, explicando mais sobre a busca por contratações para determinados setores do elenco.
Publicidade
"São posições com garotos, como goleiro, meio e ataque em pauta. Estamos atentos ao mercado, às nossas necessidades. Mas temos que ter muito critério. O Vasco tem que ser letal, não pode errar".
Sobre a estreia, Cabo lamentou pelo Vasco continuar sem vencer no Campeonato Carioca (duas derrotas e um empate), mas achou importante a equipe principal entrar em campo para pegar ritmo para a estreia na Copa do Brasil, quinta-feira contra a Caldense.
Publicidade
" Esse jogo de hoje foi muito importante para dar ritmo a quem está chegando e quem está voltando de recesso. Agora, vamos ter que fazer estadual de recuperação. Queríamos ter seis, sete pontos, mas entendemos que temos capacidade de fazer essa recuperação. Nossa primeira meta é classificar para a semifinal", avisou.
Para a próxima partida, a ideia é colocar Marquinhos Gabriel como titular, assim como promover a estreia de Zeca na lateral. Já Germán Cano e Léo Matos ainda dependerão de uma avaliação nesta segunda-feira.