Fla volta ao Ninho pra novos exames

Grupo principal foi afastado do Centro de Treinamento há mais de dois meses

Por IG - Esporte

O grupo profissional do Flamengo voltou ontem ao Ninho do Urubu, depois de 65 dias de afastamento, para realizar uma nova bateria de exames para a Covid-19. O clube, via nota, explicou que o procedimento respeita as medidas acordadas com a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ) e será feito de maneira periódica em atletas e colaboradores envolvidos na rotina do departamento de futebol no centro de treinamento.

Dentre as medidas internas de segurança e prevenção adotas, estão: a desinfecção das instalações do centro de treinamento; limpeza do CT; diálogo diário de Segurança (DDS); disponibilização de material de higiene; prevenção de contaminação por ar condicionado; impedimento da utilização dos vestiários; arrumação dos quartos; alimentação, entre outras. Vale ressaltar que, na primeira bateria de testes realizada no começo deste mês, o Rubro-Negro testou 293 pessoas e 38 tiveram resultados positivos, sendo considerados "positivos assintomáticos".

Onze pessoas diagnosticadas já haviam tido o contato com o novo coronavírus previamente e se encontravam com anticorpos. Deste grupo, três são atletas.

A diretoria do Flamengo pretende retornar aos trabalhos no Ninho do Urubu ainda nesta semana. Qualquer decisão só acontecerá depois dos resultados dos testes de atletas e de toda a comissão técnica.

Comentários