Com Covid, meia do Galo faz festa

Cazares, do Atlético Mineiro, foi caguetado pelos vizinhos. Equatoriano deve receber multa salgada

Por IG - Esporte

Cazares: nova polêmica em BH
Cazares: nova polêmica em BH -

Reincidente em furar a quarentena, o apoiador equatoriano Juan Cazares, do Atlético Mineiro, deverá receber uma multa de R$ 130 mil por promover uma festa em sua casa, localizada na Lagoa Santa, Região Metropolitana de Belo Horizonte. Para piorar a situação, o jogador testou positivo para o novo coronavírus no domingo passado.

O encontro realizado no dia 15 de maio foi denunciado por vizinhos. Fiscais da prefeitura e agentes da Polícia Militar foram ao local e confirmaram a reunião. Essa não é a primeira vez que Cazares dribla a quarentena. No dia 5 de maio, ele e o venezuelano Otero, também do Galo, foram flagrados jogando uma "pelada" em uma quadra em Santa Luzia, Região Metropolitana de Belo Horizonte. A partida foi transmitida ao vivo pelo Instagram. A quadra não poderia estar aberta, segundo decreto da Prefeitura de Santa Luzia, publicado em 24 de abril.

"A multa dele vai ser provavelmente a máxima. Quem expede a multa é a Vigilância Sanitária, no caso dele é a máxima porque ele é reincidente, já houve outras reclamações. Os condôminos, o síndico, foi todo mundo que fez a denúncia a favor dessa intervenção", explicou Henrique Melo, diretor de Regulação Urbana de Lagoa Santa. Todos os presentes na festa já procuraram os postos de saúde.

Comentários