Cabeça de marido de PM de UPP é deixada em frente à casa da família

Caso ocorreu em Realengo, na Zona Oeste. Divisão de Homicídios vai investigar o caso

Por O Dia

Rio - A cabeça de um homem, casado com uma policial lotada na Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Morro do São Carlos, no Estácio, foi deixada na porta da casa da família, em Realengo, na Zona Oeste, na madrugada desta terça-feira. A vítima foi identificada como João Rodrigo Silva Santos, de 35 anos.

Cabeça foi deixada em frente à casa de PM de UPPAlessandro Costa / Agência O Dia

Agentes da Divisão de Homicídios (DH) realizaram perícia no local, na Rua Rosa Martins, esquina da Rua Laura Dias. A cabeça estava dentro de uma mochila e foi levada para o Instituto Médico Legal (IML).

Últimas de Rio De Janeiro