Madrugada tranquila no Morro da Serrinha

PM se manteve nos acessos e até o momento não foram registrados incidentes

Por marcello.victor

Rio - A madrugada desta sexta-feira foi de aparente tranquilidade no Morro da Serrinha, em Madureira, na Zona Norte do Rio, após uma terça-feira de confrontos entre traficantes e PMs que cercaram a comunidade. A polícia se manteve nos acessos à comunidade e ao Morro São José da Pedra, vizinho à comunidade. Um helicóptero fez sobrevoos para mapear a região. De acordo com o 9º BPM (Rocha Miranda), não foram registrados incidentes.

Durante a operação da véspera que envolveu PMs do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), Batalhão de Choque, Companhia de Cães, do batalhão da área e da 29ª DP (Madureira), cinco pessoas foram baleados - um PM e quatro suspeitos. Intensos tiroteios assustaram moradores da região durante todo o dia. Quinze pessoas foram presas e armas, drogas e motos roubadas foram apreendidas.

Um dos objetivos da operação era prender o traficante Walace de Brito Trindade, de 27 anos, conhecido como Lacoste, da facção criminosa Terceiro Comando Puro (TCP). Ele é foragido do sistema penitenciário e apontado como o chefe do tráfico de drogas do morro.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia