Cargos em Risco

O ministro Ricardo Lewandowski, do STF, determinou que cerca de cem advogados da Caixa Econômica percam seus cargos e voltem às funções que exerciam em 1992

Por felipe.martins , felipe.martins

Rio - O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, determinou que cerca de cem advogados da Caixa Econômica percam seus cargos e voltem às funções que exerciam em 1992. A decisão atinge, entre outros, o diretor jurídico do banco, Jailton Zanon da Silveira, e a gerente do departamento jurídico no Rio, Cintia de Freitas Gouvea.

O processo, movido pelo Ministério Público, alega que os cargos de advogado teriam que ter sido promovidos por concurso público. Na época, a Caixa optou por uma seleção interna.

Recurso
Tomada no último dia 13, a decisão de Lewandowski mudou sentença do Tribunal Regional Federal. A Caixa ainda pode recorrer ao pleno do STF.

Xou em Brasília
Xuxa irá esta semana ao Congresso Nacional receber uma homenagem e fazer lobby. Quer tentar apressar a votação do projeto que estabelece punições aos pais que aplicarem castigos físicos ou humilhantes aos filhos.

Vendas em alta
A associação dos produtores e usuários da Ceasa registrou, em abril, um aumento de 20% nas vendas em relação ao mesmo mês de 2013. Atribui o fenômeno ao maior poder aquisitivo e à busca de alimentos saudáveis. Mas a inflação no setor também deve ter incentivado a procura por preços mais em conta.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia