Morre mulher esfaqueada em Niterói

Maria Teresa Guilherme, 43 anos, foi atingida por golpes de faca, no Fonseca. Crime teria ocorrido após briga de casal

Por tiago.frederico

Rio - Maria Teresa Guilherme, 43 anos, morreu após ser esfaqueada, na Rua São Januário, no Fonseca, em Niterói, Região Metropolitana do Rio, na manhã desta sexta-feira. De acordo com a Polícia Militar, agentes do 12º BPM (Niterói) foram acionados para uma suposta briga de casal, mas, quando chegaram no local, a vítima já estava sendo atendida pelo Corpo de Bombeiros. Atingida por golpes de faca, a mulher mas não teve nada roubado, o que reforça a tese de motivação passional para o ataque.

Os militares do quartel de Niterói encaminharam Maria Teresa para o Hospital Azevedo Lima, naquele bairro. Ela deu entrada na unidade em estado gravíssimo e sofreu uma parada cardiorrespiratória. Em nota, a direção do Hospital Estadual Azevedo Lima disse que foram feitas manobras de ressuscitação, porém ela não resistiu e morreu.

LEIA MAIS: Mulher é esfaqueada no Fonseca

O caso foi registrado na 78ª DP (Fonseca), a central de flagrantes da região, mas será investigado pela Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSGI). Um inquérito foi instaurado para identificar a autoria do crime.

Segundo a Polícia Civil, o corpo de Maria Teresa já foi levado para o Instituto Médico Legal da região. Agentes da especializada estão à procura de testemunhas e imagens de câmeras de segurança instaladas na localidade para análise.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia