Câmara de Seropédica gasta dinheiro com curso de fax para vereadores

Os parlamentares também fizeram uso de dinheiro público para aprender a mexer em e-mails e telegramas

Por O Dia

Rio - A Câmara Municipal de Seropédica é mais uma que aderiu àqueles supostos cursos que tentam justificar a queima de dinheiro público. No mês passado, vereadores da cidade, acompanhados de assessores, foram a Belo Horizonte para, acredite, aprender a usar telegrama, fax e e-mails.

Pelo menos três vereadores participaram do tal curso, mais um criado pelo Instituto Capacitar, sediado em BH e especializado em organizar essas excursões. O encontro de setembro foi o 744º promovido pela instituição.

Os que foram
Com tudo pago pela Câmara, estiveram em BH os vereadores Huguinho (PRP), Waguinho do Emiliano (PRB) e Max Goulart (PCdoB). Huguinho diz que as aulas foram muito boas, trataram também de impostos e projetos de lei. Ele acha que levou apenas um assessor.

13º sobe no telhado
O pagamento da segunda parcela do décimo terceiro salário do funcionalismo é o novo desafio do governo estadual. Secretário de Fazenda, Julio Bueno é lacônico. “Nossa perspectiva é pagar”, afirma.

Centenário do samba
O samba será a estrela do Réveillon em Copacabana. É que 2016 marcará os cem anos do registro, na Biblioteca Nacional, de ‘Pelo telefone’, primeira música a ser oficialmente chamada de samba.

O substituto
Apesar das negativas de Eduardo Cunha, deputados dão como certa sua saída da presidência da Câmara. Dizem que ele articula a ida de André Moura (PSC-SE) para o seu lugar.

Arco abandonado
No início de setembro, o Informe publicou que as paredes internas do Arco do Teles tinham sido pintadas com uma cor diferente da original. O Iphan disse que iria tomar providências. Mas, um mês e meio depois, nada foi feito.

Últimas de Rio De Janeiro