Mais Lidas

Ministério Público pede a condenação dos réus no caso 'Meninas de Guarus'

De acordo com a denúncia, parte dos acusados mantinha e explorava crianças e adolescentes, entre 8 e 17 anos de idade

Por marlos.mendes

Rio - Promotores de Justiça de Campos de Goytacazes pediram a condenação dos acusados de envolvimento com exploração sexual de adolescentes no processo conhecido como “Meninas de Guarus”.

De acordo com a denúncia, parte dos acusados mantinha e explorava crianças e adolescentes, entre 8 e 17 anos de idade, em uma casa situada em Guarus, distrito de Campos, para fins de prostituição e exploração sexual. O lugar era mantido com as portas e janelas trancadas, com correntes e cadeados, sempre sob vigília armada. As vítimas eram obrigadas a consumir drogas, como cocaína, haxixe, crack, ecstasy e maconha, sem que pudessem oferecer resistência.

São réus no processo o ex-vereador e ex-deputado Nelson Nahim Matheus de Oliveira; o também ex-vereador Marcus Alexandre dos Santos Ferreira; o ex-presidiário Leilson Rocha da Silva (vulgo “Alex”); Thiago Machado Calil; Fabrício Trindade Calil; o empresário Renato Pinheiro Duarte; Ronaldo de Souza Santos; Robson Silva de Barros Costa; Robson Cardoso Marins; Everaldo de Santana; o empresário Jayme Cesar de Siqueira; o ex-presidiário Sérgio Crespo Gimenes Júnior; Fábio Lopes da Cruz; Dovany Salvador Lopes; e o empresário Gustavo Ribeiro Pourbaix Monteiro, entre outros.


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia